Motoristas e cobradores aprovam estado de greve

Categoria fará protestos nos terminais nesta quarta-feira

Motoristas e cobradores de São Paulo aprovaram, na tarde de ontem (23), o estado de greve. A categoria quer reajuste de 12,47%, mais aumento real, dentre outras reivindicações.

No encontro, realizado na rua em frente ao sindicato da categoria, os trabalhadores aprovaram também a realização de protesto nos terminais nesta quarta-feira (25), às 14h.

Valdevan Noventa, presidente do Sindmotoristas, fala do alto de uma sacada diante de centenas de motoristas e cobradores no meio na rua.
Valdevan Noventa, presidente do Sindmotoristas fala à categoria (SindmotoristasReprodução)

Segundo nota divulgada pelo sindicato, a proposta de reajuste para a categoria, oferecida pelas empresas, é “indecente”.

“Gananciosos e insensíveis, os concessionários do sistema do transporte público urbano de São Paulo não estão preocupados com as consequências do seu jogo sujo, o quanto isso pode afetar os condutores, usuários de ônibus e a população em geral”, criticou Valdevan Noventa, presidente do Sindmotoristas.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.