Ação da Receita combate falsificação de acessórios de luxo

Receita espera apreender R$ 5 milhões em acessórios de luxo

Um operação da Receita Federal, iniciada na manhã de hoje (28), tem como alvos estabelecimentos que vendem acessórios falsificados. Chamada de ‘Fake Luxo’, a fiscalização está concentrada no bairro da Liberdade, São Paulo.

“Estão sendo apreendidos bolsas e acessórios falsificados de marcas de luxo”, explica nota divulgada pela Receita.

Antes da operação, fiscais do órgão, responsável pelo combate à sonegação fiscal, já haviam feito um levantamento.

Agente da REceita Federal diante de prateleira chega de acessórios. Mulher aparece manipulando objetos diante dele.
(Receita Federal/Reprodução)

Eles descobriram que uma bolsa falsificada chegava a ser vendida por até R$ 6,5 mil, “por se tratar, supostamente, de falsificação considerada de ‘alta qualidade'”, afirma.

A ação alcança quatro estabelecimentos. Também foram localizados depósitos das lojas em andares superiores do mesmo prédio.

A expectativa da Receita Federal é apreender cerca de 500 volumes cheios de mercadorias. O valor das apreensões é estimado em R$ 5 milhões.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.