Zoológico da Capital tem dois novos moradores

Filhotes de mico-leão-preto se juntam a outros 33 da mesma espécie
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Ana Maria Macagnan/Zoológico de SP)

Nasceram no Zoológico de São Paulo dois filhotes de mico-leão-preto, uma espécie que se chegou a considerar extinta na primeira metade do século 20.

Com os dois novos micos, o zoológico tem agora 35 animais da espécie em cativeiro. Segundo a instituição, em 2019 eram registrados apenas 61 micos-leões-pretos em cativeiro em todo o mundo.

O nascimento ocorreu na área que o zoológico destina à reprodução de três das quatro espécies de micos-leões: mico-leão-preto (Leontopithecus chrysopygus), mico-leão-da-cara-dourada (Leontopithecus chrysomelas) e o mico-leão-dourado (Leontopithecus rosalia).

Os filhotes seguem sob cuidados, recebendo uma dieta com legumes, frutas e insetos.

Esses animais sofrem com a ameaça de extinção devido à destruição de seu habitat. De acordo com o zoológico, existem apenas 1,4 mil micos-leões-pretos na natureza.

Por Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Outras notícias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas