Brasil e vários países registram casos de flurona

Pelo menos três Estados têm pacientes infectados por covid-19 e gripe ao mesmo tempo
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Pelo menos três estados brasileiros têm relatos de pacientes que apresentaram infecção simultânea de coronavírus e do vírus de gripe, o que tem sido chamado de “flurona” — uma junção das palavras “flu”, (gripe em inglês), com “corona”.

Nos últimos dias, outros países também registraram o fenômeno, detectado pela primeira vez nos Estados Unidos durante o primeiro ano da pandemia de covid-19.

No Brasil, foram noticiados casos de flurona nos estados de Rio de Janeiro, Ceará e São Paulo.

Ilustração de ampola transparente com porção de sangue, com sinais positivo e negativo como alternativas, sendo que o o positivo está assinalado. A palavra covid-19 está escrita na parte transparente da ampola. Ao fundo, a ilustração de uma pessoa passando mal, com a mão encostada na testa.
(Gerd Altmann/Pixabay)

No Rio de Janeiro, um adolescente de 16 anos testou positivo para as duas doenças. A família dele informou ter confirmado a infecção através de testes realizados em dois laboratórios particulares. Segundo informações da TV Globo, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio confirmou um segundo caso no estado.

No Ceará, foram contabilizados três casos desde dezembro, todos em Fortaleza, incluindo um bebê de um ano. Segundo a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), duas crianças estiveram internadas em unidades particulares sem agravamento do quadro clínico e já receberam alta. O terceiro paciente é um homem de 52 anos que não precisou de internação e cumpre isolamento.

Ao menos um caso foi relatado em São Paulo, e diversas secretarias estaduais de Saúde investigam casos suspeitos e deve aumentar a contagem de confirmações nos próximos dias.

Israel, Hungria e Espanha

No último sábado (01/01), o governo de Israel registrou um caso dessa infecção dupla do coronavírus e do vírus influenza numa grávida não vacinada. Ela recebeu alta em 30 de dezembro após ser tratada de sintomas leves derivados da infecção simultânea, segundo o jornal Times of Israel.

Especialistas do Ministério da Saúde israelense acreditam que haja casos semelhantes, ainda não identificados, quando o país registra quase 2 mil internações por gripe, enquanto os testes positivos para coronavírus da variante ômicron aumentam.

A circulação dos vírus influenza e covid-19 ao mesmo tempo preocupa principalmente pelo risco para a população mais vulnerável, já que as duas doenças afetam o aparelho respiratório superior, alertam especialistas.

Na Hungria, o laboratório privado Neumann Labs identificou a presença de flurona em dois casos, ambos envolvendo menores de 30 anos, informou o jornal digital Népszava nesta terça-feira.

Na Espanha, os primeiros casos de flurona foram identificados na região da Catalunha. “Temos um ou outro caso, mas eles não representam uma diferença em relação aos outros. São poucos, são circunstanciais e não têm mais relevância”, explicou a diretora do Serviço Catalão de Saúde, Gemma Craywinckel, na segunda-feira.

Por Deutsche Welle

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *