Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Capital teve domingo com menor taxa de isolamento

São Paulo tem 46.131 casos confirmados de coronavírus
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Roberto Parizotti/Fotos Públicas)

O estado de São Paulo apresentou ontem (10) a mais baixa taxa de isolamento para um domingo desde o dia 24 de março, quando começou a quarentena para evitar o avanço do novo coronavírus. Ontem, a taxa ficou em 53%, muito abaixo do que chegou a atingir em quase todos os domingos desde então, em torno de 59%. No período da quarentena, a única vez que a taxa havia caído em um domingo foi no dia 26 de abril, quando ficou em 58%.

Com a taxa de 53% para um domingo, dia em que costumam se registrar os percentuais mais altos de isolamento, o estado não atingiu o valor mínimo considerado satisfatório, fixado em 55%. A taxa de isolamento considerada ideal é acima de 70%.

Segundo o governador de São Paulo, João Doria, as taxas de isolamento e de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTIs) e a disseminação do coronavírus pelo estado são as variáveis que vão determinar o fim do período de quarentena no estado, atualmente previsto para até o dia 31 de maio. Durante a quarentena, somente serviços considerados essenciais podem funcionar no estado. “Se mantivermos a média [de isolamento] de 55%, poderemos flexibilizar [as medidas] a partir do término dessa quarentena, no dia 31 de maio”, disse Doria.

Hoje, em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, o governador reafirmou que pode decretar lockdown em alguma região do estado caso a taxa de isolamento seja baixa e a de ocupação de leitos esteja próxima do colapso. De acordo com Doria, se for decretado, olockdown será feito de forma regionalizada ou local, e não generalizada por todo o estado.

São Paulo tem, até este momento, 46.131 casos confirmados de coronavírus, com 3.743 óbitos. Há 3.871 pacientes internados em UTIs e 5.877 em enfermarias. A taxa de ocupação de leitos de UTI no estado está em torno de 68,2% e, na Grande São Paulo, em 89,6%.

O secretário estadual da Saúde de São Paulo, José Henrique Germann, disse que, se a taxa de isolamento no estado não ficar acima de 55%, há possibilidade de os casos conffirmados chegarem a 400 mil até 5 de junho, “com o número de óbitos dobrando nesse período”. Com 55% de taxa de isolamento, São Paulo teria, segundo expectativas do governo paulista, 100 mil casos da doença.

Medidas

Doria anunciou hoje duas medidas. A primeira é a troca de 8 mil botijões de gás vazios por cheios para moradores no Jardim Pantanal, na zona leste da capital, por meio de uma parceria com a Ultragás. O governo estima que a iniciativa beneficie 30 mil pessoas. A distribuição será feita mediante cadastramento em entidades da região e deve ocorrer nos próximos 15 dias. Doria informou que a companhia de gás  investirá também cerca de R$ 2,4 milhões em doações em dinheiro para o sistema de saúde e insumos para abastecimento.

Outra medida anunciada é a entrega de 10 mil cestas básicas com alimentos fornecidos por produtores da agricultura familiar para aldeias indígenas e comunidades carentes de São Paulo. As cestas contêm também frutas e legumes. “As cestas geram renda para esses pequenos produtores, muitos deles vinculados a pequenas cooperativas [e associações de quilombos], e fornecem alimentos para quem mais precisa”, disse o governador.

Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Últimas - notícias

Orelhas & Tiaras

Play
Play
Play
previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Podcast

SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
As últimas notícias de São Paulo e do Brasil.
As manchetes dos principais jornais do país
by SPAGORA

Você vai ouvir na voz do repórter Paulo Édson Fiore as manchetes dos principais jornais brasileiros.

As manchetes dos principais jornais do país
Comandante da PM afasta policial após ele apreender carro de vereadora
As manchetes dos principais jornais do país

Outras - notícias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest