Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Estado pode chegar a 265 mil infectados no fim de junho

Pela projeção, casos de Covid-19 podem mais que dobrar em 1 mês.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Coletiva de imprensa sobre coronavírus e  balanço do Plano SP
Rodrigo Garcia, vice-governador de SP

Até o fim deste mês, o estado de São Paulo deverá ter entre 190 mil e 265 mil casos do novo coronavírus. A projeção foi feita pelo Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo. Até este momento, o estado tem 123.483 casos confirmados do novo coronavírus, causador da covid-19.

Segundo o vice-governador de São Paulo e secretário de Governo, Rodrigo Garcia, o ritmo de crescimento do número de casos de coronavírus foi três vezes menor em maio do que emabril. Entre os dias 1º de abril e 1º de maio, a epidemia cresceu 10 vezes no estado, saindo de 2.981 casos confirmados para 30.374. Já no mês seguinte, entre 1º de maio e 1º de junho, o crescimento foi em 3,6 vezes menor, passando de 30.374 casos para 111.290. “No mês de maio, a epidemia começou a perder velocidade”, disse Garcia.

Para o próximo mês, a previsão é que o ritmo de crescimento fique entre 1,7 e 2,4 vezes, significando entre 190 mil e 265 mil casos confirmados de coronavírus. “Em nenhum momento, o Plano São Paulo [plano de flexibilização do estado, gradual e regional] anunciou que a epidemia teria ido embora. O Plano São Paulo anunciou uma retomada gradual, com base nesses cenários”, ressaltou Garcia.

Flexibilização

Após a primeira semana do anúncio do Plano São Paulo, que prevê a retomada da atividade econômica do estado dividida em cinco fases e em regiões, o governo destaca os resultados em algumas regiões, com melhora em indicadores epidemiológicos, tais como na taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTIs) e na taxa de avanço de casos e de óbitos provocados pelo novo coronavírus. Com a melhora desses indicadores, as localidades poderão mudar de fase, passando para uma que permita maior flexibilização econômica.

Segundo o governo estadual, os avanços foram notados na Baixada Santista, no Vale do Ribeira e no Vale do Paraíba. Se tais regiões mantiverem os indicadores baixos até a próxima terça-feira (9), poderão subir de fase na quarta-feira (10), passando para um nível de maior flexibilização das atividades. Já as regiões de Bauru e de Barretos apresentaram piora nos índices e, se continuarem nesse ritmo, poderão mudar de fase, mas retornando à etapa anterior, de maior restrição.

Fornecimento de gás e água

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou nesta quarta-feira (3) que, em caso de inadimplência, o abastecimento ininterrupto de gás natural e água será prorrogado até 31 de julho para a população carente do estado. Com isso, não haverá cortes no fornecimento de gás e água, mesmo com a inadimplência. O governo informou que negocia a mesma medida com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para não haver interrupção do fornecimento de energia elétrica no estado.

Segundo Doria, o fornecimento dos serviços essenciais para pessoas de baixa renda não será interrompido e elas estarão protegidas com negociação entre o governo e os concessionários. De acordo com o governador, deverão ser beneficiadas até 2,1 milhões de pessoas. Os acordos foram feitos com as companhias e concessionárias Sabesp, Comgás, GasBrasiliano, Naturgy e Enel e já valiam desde março.

Por Elaine Patrícia Cruz – Repórter da Agência Brasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Últimas - notícias

Orelhas & Tiaras

Play
Play
Play
previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Podcast

SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
SP AGORA - O melhor conteúdo de São Paulo
As últimas notícias de São Paulo e do Brasil.
As manchetes dos principais jornais do país
by SPAGORA

Você vai ouvir na voz do repórter Paulo Édson Fiore as manchetes dos principais jornais brasileiros.

As manchetes dos principais jornais do país
Comandante da PM afasta policial após ele apreender carro de vereadora
As manchetes dos principais jornais do país

Outras - notícias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest