Hospital de Heliópolis tem 1ª alta de paciente com Covid-19

Paciente de 82 anos ficou 40 dias na unidade.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

O Hospital de Campanha de Heliópolis deu alta à sua primeira paciente. A Sra. Laura Virgem da Silva, de 82 anos, esteve presente na história dos primeiros quarenta dias de funcionamento do serviço. Ela voltou para casa curada da COVID-19, ontem (30).

(Divulgação)

A moradora do Parque Grajaú, zona sul da capital, foi internada na unidade no dia 21 de maio. Ela permaneceu na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) por 16 dias e em dez deles esteve entubada. Aposentada e dona de casa, a viúva mora sozinha, mas tem doze filhos e diz que quer aproveitar sua recuperação e reencontrar a família.

Assim como a Sra. Laura, o Hospital de Heliópolis registrou 109 pacientes internados, sendo 22 em UTI, nesta terça-feira (30). O serviço possui infraestrutura completa para garantir atendimento com qualidade e humanização. Os internados têm suporte de uma equipe multiprofissional e atividades focadas no bem-estar emocional.

“A alta de cada paciente é uma conquista para nós. O Hospital de Heliópolis segue cumprindo um importante papel de acolher, assistir os pacientes e oferecer atendimento de alta qualidade a todos”, diz o secretário de Estado da Saúde, José Henrique Germann.

Balanço

Em quarenta dias de funcionamento, o Hospital de Campanha de Heliópolis recebeu 521 pacientes. Desse total, 370 tiveram alta. Dos pacientes atendidos, 42 faleceram devido à gravidade clínica – por contar com leitos de Terapia Intensiva, a unidade recebe também casos mais graves e críticos da COVID-19.

O serviço é referenciado e recebe pacientes encaminhados por serviços de pronto atendimento. A unidade foi inaugurada em 20 de maio. Possui 200 leitos, incluindo 24 de UTI, setor onde a taxa de ocupação varia de 85% a 100%.

*Com informações do Governo do Estado de SP

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas