Mãe de Bolsonaro recebe segunda dose da vacina

Olinda Bunturi Bolsonaro foi vacinada em casa, na cidade de Eldorado
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Olinda Bunturi e o filho Jair Bolsonaro (Reprodução)

Nesta segunda-feira (8), a mãe do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Olinda Bunturi Bolsonaro, de 93 anos, tomou a segunda dose da CoronaVac, vacina contra Covid-19 produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. Ela foi vacinada em sua própria residência, em Eldorado, interior de São Paulo.

Olinda recebeu a primeira dose da vacina CoronaVac no dia 12 de fevereiro, como mostra o cartão de vacinação da idosa. A informação contradiz o presidente, que chegou a afirmar em uma transmissão ao vivo nas redes sociais no dia 18 de fevereiro que sua mãe havia sido imunizada pela vacina de Oxford e que após a vacinação, o cartão dela teria sido rasgado.

“Minha mãe foi vacinada em 12 de fevereiro de 2021. ‘Fabricante: Oxford’. Duas horas depois, o cara volta lá apavorado, vai atrás da casa da minha mãe, pega o cartão de vacina dela e rasga e entrega um novo escrito Butantan”, disse Bolsonaro durante a live.

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas