Manaus instala câmaras frias em cemitério

Profissionais de saúde relatam falta de oxigênio para pacientes em hospitais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
(Ingrid Anne/Pref. de Manaus)

A Prefeitura de Manaus instalou duas câmaras frigoríficas no cemitério público Nossa Senhora Aparecida, localizado no bairro Tarumã, zona Oeste da Capital amazonense. O objetivo, segundo o município, é prestar suporte ao SOS Funeral, responsável pelos sepultamentos na cidade.

A medida, informa a Prefeitura, busca atender às vítimas da Covid-19 que morrerem nos horários em que os cemitérios estão fechados, “garantindo o cuidado com os corpos para o sepultamento”. Ainda segundo comunicado, as câmaras frigoríficas têm capacidade para armazenar até 60 caixões e começaram a ser utilizadas hoje (14).

Oxigênio

Na tarde hoje, o Estadão publicou reportagem sobre a falta de oxigênio em hospitais de Manaus. Segundo a publicação, que ouviu profissionais de saúde que atuam nas unidades, pacientes com covid-19 estavam morrendo asfixiados.

A reportagem também cita que o Governo Federal pretende transferir pacientes de Manaus para outros Estados.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas