São Paulo registra 416 mortes por coronavírus em 24 horas

Total de óbitos no estado chega a 27,3 mil.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Pela sétima vez, desde o início da pandemia, o estado de São Paulo ultrapassou a marca de 400 mortes provocadas pelo novo coronavírus em um único dia. Nas últimas 24 horas, o estado somou 416 mortes, chegando agora ao total de 27.315 mortes desde o início do surto. O número de mortes e de casos costuma ser maiores às terças-feiras porque há um represamento de dados nos finais de semana.

O recorde de mortes em um único dia ocorreu no dia 13 de agosto, quando foram notificados 455 óbitos. Nessa ocasião, o governo paulista disse que o recorde tinha sido resultado de um acúmulo provocado por mudanças no sistema de contabilização de casos pelo Ministério da Saúde, que passou a incluir, recentemente, casos confirmados por meio de diagnóstico por imagem (tomografia) ou por análise clínica. Antes eram computados apenas os casos e mortes confirmados por meio de testes.

Nas últimas 24 horas, o estado contabilizou também 8.865 novos casos, somando agora 711.530 confirmações da doença.

Entre o total de casos diagnosticados, 514.989 estão recuperados – 82.216 deles após internação.

Há 12.291 pacientes internados em todo o estado em casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus, sendo 5.278 deles em estado grave. A taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) no estado está em 57,4%.

Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil 

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas