Metrô terá exame de coração hoje e segunda-feira

Atividade marca o Dia Mundial do Coração.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Por Bruno Bocchini

(Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

No Dia Mundial do Coração, comemorado hoje (29), a Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp) promove exames gratuitos na estação do metrô República, na região central da capital paulista. A atividade, que se estenderá até amanhã (30), tem treinamento de massagem cardíaca, aferição de pressão e debate sobre estresse e tabagismo.

O treinamento em Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP), realizado com manequins recicláveis, é repetido a cada 20 minutos. Cada sessão tem capacidade para 50 pessoas treinarem simultaneamente.

O médico Agnaldo Píscopo, diretor do Centro de Treinamento em Emergências da Socesp, explica que o reconhecimento de que está ocorrendo, de fato, um infarto e o socorro de maneira correta aumentam as chances de sobrevida dos pacientes de quatro a cinco vezes. “A Organização Mundial da Saúde [OMS] indica que o tempo entre a ocorrência do quadro e a chegada de socorro médico pode ser preenchido por leigos”, diz.

No evento, também são ministradas aulas de exercícios de relaxamento para o cotidiano e de alimentação correta para reduzir o sobrepeso e a obesidade. De acordo com a entidade, a adoção de medidas simples no dia a dia, como deixar de fumar, reduzir o consumo de sal e de açúcar, praticar atividades físicas regulares e ingerir uma dieta equilibrada são as principais recomendações para um coração mais saudável. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), as doenças cardiovasculares, como o infarto do miocárdio e o acidente vascular cerebral (AVC) tiram a vida de 18 milhões de pessoas por ano, o que representa 31% de todas as mortes. No Brasil, são 350 mil óbitos anuais, um a cada 40 segundos.

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas