Papa visita Tailândia e pede cooperação com migrantes

Por NHK

(Vatican News/Reprodução)


O papa Francisco se encontrou, nessa quinta-feira (21), segundo dia da visita à Tailândia, com o premiê Prayut Chan-o-cha.

Em discurso feito depois do encontro, o papa tratou de questões como refugiados e migração, ponto central de sua missão. A Tailândia é conhecida como um destino importante de refugiados e migrantes, bem como de vítimas de tráfico humano.

“Expresso a esperança de que a comunidade internacional atue com responsabilidade e visão do futuro, trabalhe para solucionar questões que levaram a esse trágico êxodo e promova uma migração segura, ordenada e regulamentada”, afirmou.

Francisco se reuniu também com o líder supremo do budismo tailandês em um templo na parte central de Bangcoc. Ele manifestou o desejo de aprofundar o diálogo entre a Igreja Católica e os budistas. Pediu ainda cooperação na solução de questões como pobreza e meio ambiente.

O papa Francisco deverá deixar a Tailândia com destino ao Japão neste sábado (23).

Igreja vai canonizar primeira santa nascida no Brasil

(Acervo Irmã Dulce/via Agência Brasil)


Neste domingo (13), às 5h da manhã em Brasília (10h em Roma), a soteropolitana Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes (1914–1992), nominada como Irmã Dulce desde 1933, torna-se a primeira santa nascida no Brasil reconhecida pela Igreja Católica Apostólica Romana. Torna-se Santa Dulce dos Pobres.

A canonização ocorre nove anos após o colegiado de cardeais e bispos da Congregação para a Causa dos Santos, da Cúria Romana, atestar o primeiro milagre atribuído à Irmã Dulce descrito no processo de beatificação da religiosa iniciado pela Arquidiocese de São Salvador da Bahia. A decisão do colegiado é baseada em avaliação de peritos de saber científico (como médicos) e teólogos.

O milagre que levou à beatificação foi a intercessão da freira, a pedido de orações de um padre, para salvar a vida de uma mulher que deu à luz a um menino e estava desenganada por causa de uma hemorragia depois do parto, que os médicos não conseguiam conter. O caso ocorreu nove anos após a morte de Irmã Dulce (2001), em uma cidade do interior de Sergipe.

Para a canonização, a Constituição Apostólica exige a comprovação de um segundo milagre e semelhante ritual processual e comprobatório. A segunda graça, conforme publicado pela Arquidiocese de Salvador, foi a recuperação da visão do músico e maestro José Maurício Bragança Moreira, após 14 anos sem enxergar por causa do glaucoma.

(Acervo Irmã Dulce/via Agência Brasil)

“Eu fui paciente de glaucoma muito grave que me cegou durante 14 anos. No dia do milagre, 10 de dezembro de 2014, o meu coral ia cantar, mas a minha esposa nem me deixou sair de casa por causa do derrame que eu tive nos olhos devido a uma conjuntivite viral. Eu passei a noite sem conseguir dormir e por volta das 4h eu peguei a imagem de Irmã Dulce, que fica na cabeceira da minha cama, a coloquei nos meus olhos e pedi que ela aliviasse a minha dor”, descreve Moreira em relato publicado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

De acordo com o músico, após colocar o santinho impresso sobre os olhos, sentiu sono e adormeceu. “Quando eu acordei de manhã, a minha esposa me deu umas compressas de gelo e foi quando eu comecei a enxergar o gelo e a ver a minha mão, e aos poucos a visão foi voltando. O momento que começou o retorno da visão foi pouco tempo depois da oração. É um milagre”, afirma. Após o reconhecimento do milagre pela Igreja, o Papa Francisco anunciou a canonização de Irmã Dulce.

Vocação social

(Acervo Irmã Dulce/via Agência Brasil)

A vocação religiosa de Irmã Dulce é revelada ainda na adolescência sob influência de uma tia paterna. Ela tornou-se freira no começo da década de 1930 pela Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, em São Cristóvão (Sergipe).

Formada como professora, teve como primeira missão ensinar a crianças em colégio de sua congregação em Salvador. A vocação para as causas sociais teve início naquela década quando passou a prestar assistência à comunidade pobre de Alagados, e a participar da União Operária São Francisco.

Em 1937, funda o Círculo Operário da Bahia, juntamente com Frei Hildebrando Kruthaup. Em 1939, Irmã Dulce inaugura o Colégio Santo Antônio, escola comunitária voltada para operários e filhos de operários.

Dez anos depois, ocupa um galinheiro ao lado do Convento Santo Antônio de Salvador para acolher 70 doentes. Em 1959, é instalada oficialmente as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) e no ano seguinte é inaugurado o Albergue Santo Antônio.

Celebração

(Acervo Irmã Dulce/via Agência Brasil)

O Santuário de Irmã Dulce, em Salvador, ao lado da sede das Osid permanecerá aberto durante toda noite de sábado (12) e a madrugada de domingo para a vigília à espera das canonizações que o Papa Francisco presidirá no Vaticano.

Junto com a santa brasileira, serão canonizados os beatos John Henry Newman (1801-1880), cardeal, fundador do Oratório de São Filipe Néri na Inglaterra; Giuseppina Vannini, Madre Josefina (1859-1911), italiana, fundadora das Filhas de São Camilo; a Maria Teresa Chiramel Mankidiyan (1876-1926), indiana, fundadora da Congregação das Irmãs da Sagrada Família; e Margherita Bays (1815-1879), suíça, da Ordem Terceira de São Francisco de Assis.

A primeira missa em honra à Santa Dulce dos Pobres ocorrerá em Roma na igreja San’t Andrea della Valle, segunda-feira(14), 24 horas depois da canonização. No dia 20 de outubro, domingo, em Salvador, haverá a celebração pela canonização da Santa. Será no estádio de futebol Arena Fonte Nova, com abertura dos portões ao meio-dia. Os ingressos gratuitos estão à disposição nas diversas paróquias da Arquidiocese de Salvador e começaram a ser distribuídos no início deste mês.

Daniel lança canções em homenagem a Nossa Senhora

Cantor Daniel lança álbum que homenageia Nossa Senhora Aparecida (Facebook/Reprodução)


Com destaque para a canção “Maria, Maria” com participação de todos os convidados que participaram do show realizado no Santuário Nacional, o cantor Daniel lança nas plataformas digitais, neste dia 12 de outubro, as seis canções que finalizam o projeto Show em Homenagem a Nossa Senhora Aparecida.

Completando com “Nossa Senhora”, que teve participação de Guilherme Martinez (ex-participante do The Voice Brasil), “Heal the world – A Paz” com participação The Melisizwe Brothers, “Ninguém Explica Deus”, “Santa Maria do Brasil” e um Pot Pourri –“Maria de Nazaré / Mãezinha do Céu / Ninguém te Ama como Eu / Paz do Meu Amor”, todas as canções estarão disponíveis digitalmente em vídeo e áudio para os fãs nas plataformas digitais. 

Nos meses anteriores foram lançadas “Hallelujah”, com os irmãos canadenses The Melisizwe Brothers – Zacary, Seth e Marc James, “Trem Bala” com Larissa Manoela, “Aquarela” com Fabiana Moneró e “Era uma vez” com Yasmin Giacomini, “Trevo” e “Filhote do filhote” com as filhas de Daniel, Lara e Luiza, “Pra ser Feliz” com Neto Junqueira, “Só o amor” com participação de Giulia Soncini e “Romaria” com Leo Cidade, além das canções solo “Raridade”, “Ave Maria” e “Quando eu quero falar com Deus”.

O álbum completo estará disponível, a partir do dia 12 de outubro, nos canais oficiais do cantor Daniel no Youtube, Spotify, Deezer e Apple.

Projeto

O Show em Homenagem a Nossa Senhora Aparecida fez parte das festividades da Padroeira do Brasil em 2018. Foi produzido pela TV Aparecida no Pátio das Palmeiras do Santuário Nacional, onde o cantor Daniel recebeu jovens artistas e um público de mais de 5 mil pessoas para a gravação ao vivo do DVD.

Ressaltando sua satisfação com o projeto, Daniel destacou a motivação das apresentações. “Espero que as pessoas tenham ao ouvir, o mesmo prazer que tive ao cantar essas canções tão especiais. Este foi um show único, com uma mensagem de devoção, amor e paz!”, afirmou Daniel.

*Conteúdo A12.com

https://spagora.com.br/celebracao-em-homenagem-a-nossa-senhora-reune-fieis/

Operação reforça vigilância nos acessos a Aparecida

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) iniciou, nesta sexta-feira (11), a Operação Padroeira 2019 nas rodovias de acesso à região de Taubaté, onde fica a cidade de Aparecida do Norte, para onde romeiros de todo o país seguem para comemorar o Dia da Padroeira do Brasil, neste sábado (12). A ação do DER se encerra no domingo (13).

Segundo o DER, o esquema especial foi organizado para minimizar o impacto do aumento de peregrinos nas rodovias, sobretudo durante o feriado, bem como intensificar o monitoramento para garantir melhores condições de segurança aos motoristas e usuários.

O DER reforçou a sinalização de alerta nas rodovias que integram a ação com 14 veículos de apoio aos usuários, sendo seis viaturas de inspeção; cinco guinchos leves; um guincho pesado e dois veículos de apoio. Além disso, aproximadamente 50 profissionais vão trabalhar em esquema de plantão nas estradas. Todos os trechos contarão com viaturas de inspeção 24 horas por dia.

Aparecida (SP) - Romeiros caminham em direção a Aparecida pelo acostamento da Rodovia Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro (Rovena Rosa/Agência Brasil)
DER realiza operação especial para garantir a segurança de romeiros que caminham em direção a Aparecida do Norte (Arquivo/Agência Brasil)


As rodovias que integram a Operação de Monitoramento são a SP-042 – Rodovia Vereador Julio da Silva; Km 149,5 ao Km 169,5; SP-046 – Rodovia Oswaldo Barbosa Guisardi; Km 151,2 ao Km 167,1; SP-123 – S/D; Km 033,3 ao Km 025,5; SP-132 – Rodovia Doutor Caio Gomes Figueiredo; Km 151 ao Km 167,7; SP-062 – Rodovias Prefeito Edmir Vianna Moura, Vito Ardito, Emilio Amadei Beringhs, Amador Bueno da Veiga, Vereador Abel Fabricio Dias, Professora Marieta Vilela da Costa Braga; Km 101 ao Km 172,6; SPA-099/060 – S/D; Km 0 ao Km 4; SPA-092/060 – Rodovia Manuel Cesar Ribeiro; Km 0 ao Km 5,3; SPA-085/060 – S/D; Km 0 ao Km 4,1; SP-052 – Rodovias Hamilton Vieira Mendes e Doutor Avelino Junior; Km 209,9 ao Km 236,1; SP-058 – Rodovia Deputado Nesralla Rubez; Km 201,8 ao Km 213; SP-183 – Rodovia Christiano Alves da Rosa; Km 0 ao Km 13; SP-062 – Rodovias Professora Marieta Vilela da Costa Braga, Avenida Padroeira do Brasil, Prefeito Aristeu Vieira Vilela, Deputado Oswaldo Ortiz Monteiro; Km 202,1 ao Km 172,6; SPA-021/060 – Rodovia Julio Fortes; Km 0 ao Km 8,8;

Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto

A utilização do Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto (SP-70) não é aconselhável para os romeiros. Como é um corredor com alto volume de tráfego, alta velocidade permitida (120 km/h) e poucas áreas de vazão da pista, a concessionária não recomenda o uso do acostamento para caminhada nem para a prática de ciclismo. Uma opção para quem for fazer a peregrinação para a cidade de Aparecida de Norte a pé ou de bicicleta é utilizar a Rota da Luz, pois é o caminho mais adequado e seguro. Para informações acesse www.rotadaluz.com.br .

Caso não seja possível evitar o corredor, a Ecopistas recomenda que os pedestres caminhem em fila indiana, fora do acostamento, atrás das defensas metálicas e contra o fluxo de veículos. Recomenda ainda usar roupas claras e com refletivos para aumentar visibilidade e atravessar a pista apenas pelas passarelas.

Atendimento ao usuário

Durante o feriado, os usuários do Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto terão à disposição 245 profissionais e 49 viaturas para atendimento, entre elas quatro ambulâncias de resgate, uma UTI móvel, seis rotas de inspeção de tráfego, cinco guinchos leves e dois pesados, além de um caminhão irrigadeira.

Durante o período de maior movimentação, a concessionária contará ainda com o apoio de outros oito guinchos tipo plataforma. Além disso, a Ecopistas dispõe na rodovia duas bases de Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) e mais duas bases operacionais onde os motoristas podem parar para beber água, usar o banheiro ou pedir apoio em caso de emergência. As bases SAU estão localizadas nos quilômetros 28 e 59 da rodovia Ayrton Senna, sentido interior, e as bases operacionais nos quilômetros 19 e 92, sentido interior, e no km 115 em direção a São Paulo.

Operação Papa-fila

Para evitar que se formem filas nos horários de picos, as praças de pedágio funcionarão com capacidade máxima. Também será implantada a Operação Papa-fila nas praças de Itaquaquecetuba e Guararema. Nessa atividade, funcionários devidamente identificados estarão à disposição dos motoristas para realizar a cobrança antecipada às cabines.

A previsão da Ecopistas é que entre 646 mil e 665 mil veículos passem pelas quatro praças de pedágio do corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, nos dois sentidos, durante o feriado religioso da Nossa Senhora Aparecida, de 11 a 13 de outubro.

Por ser um dos principais caminhos para a cidade de Aparecida de Norte, a concessionária espera a passagem de 166 mil veículos em direção ao interior, apenas na praça de Itaquaquecetuba, no km 33 da rodovia Ayrton Senna. No retorno à capital paulista, o fluxo deve ser mais intenso no domingo (13), das 16h às 19h.

Caminho do Rosário: Aparecida tem ‘trem do devoto’

‘Trem do devoto’, em Aparecida, passou a operar neste fim de semana (Thiago Leon/A12/Reprodução)

Os turistas de Aparecida têm agora uma nova possibilidade de transporte para percorrer o Caminho do Rosário. Trata-se do Trem do Devoto, inaugurado na manhã de sexta-feira (5) e que vai percorrer um trajeto de 1,4 quilômetros em cerca de 15 minutos.

A linha passa por 20 cenários que retratam os mistérios do Rosário, em um total de 128 esculturas.

Este trem, com capacidade para 60 pessoas, traz um conceito mais retrô baseado em uma locomotiva antiga do século 19, o que acaba oferecendo uma experiência diferenciada ao visitante, levando os peregrinos da Cidade do Romeiro, um Centro Comercial localizado próximo ao Santuário Nacional, até Porto Itaguaçu, local onde começa toda a história da devoção à Nossa Senhora Aparecida.

Correndo sobre trilhos elevados, apresenta-se como uma opção de retorno para todos que realizaram o Caminho do Rosário a pé, meditando os mistérios do terço, além de facilitar a visita de idosos e pessoas com deficiência, já que opera nos dois sentidos do trajeto.

“Este novo atrativo de Aparecida chega para incrementar o fluxo turístico religioso que já recebe mais de 13 milhões de pessoas por ano movidas pela fé”, afirma o Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Vinicius Lummertz.

Vale ressaltar que o trajeto do Trem do Devoto é feito com duas locomotivas e cinco vagões e todos os veículos são adaptados para o transporte de pessoas com deficiência.

O percurso custa R$10 por trecho. Idosos e crianças pagam meia, mediante apresentação de documento com foto. Inicialmente, o funcionamento acontece de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, aos sábados, das 8h às 18h, e aos domingos, das 8h às 16h.

*Conteúdo Governo do Estado de SP

No dia de Páscoa, igrejas e hotéis são atacados no Sri Lank

Número de feridos passa de 500 (Twitter/Reprodução)

Uma série de explosões simultâneas em três igrejas e três hotéis de luxo no Sri Lanka provocou a morte de mais de 150 pessoas neste domingo (21). Entre os mortos, há pelo menos 35 estrangeiros, segundo balanços iniciais. Cerca de 500 pessoas ficaram feridas.

Segundo as autoridades do Sri Lanka, os primeiros seis ataques ocorreram por volta das 8h45 (horário local, 2h30 em Brasília). No momento das explosões, os templos católicos estavam celebrando o Domingo da Ressureição, uma das datas mais importantes do calendário cristão.

A capital, Colombo, foi alvo de pelo menos quatro explosões: em três hotéis de luxo e uma igreja. As outras duas igrejas atingidas ficam em Negombo, no oeste do país (região que abriga uma grande população católica); e em Batticaloa, no leste.

Poucas horas depois das seis explosões simultâneas iniciais, foram registrados mais dois atentados. Uma explosão atingiu um pequeno hotel em Dehiwala, um subúrbio de Colombo. Uma oitava explosão foi registrada em Dematagoda, outro subúrbio da capital, e atingiu uma residência.  

Sete pessoas foram presas por suspeita de participação nos ataques. A rede BBC informou que o governo disse que a maioria das explosões foi provocada por terroristas suicidas.

Nenhum grupo reivindicou a autoria das ações até o momento. Em resposta aos ataques, o governo impôs toque de recolher em toda a ilha, com início às 18h (horário local) até as 6h do dia seguinte. O governo determinou ainda um bloqueio temporário às redes sociais para impedir a difusão “de informações incorretas”. 



“O governo decidiu bloquear todas as plataformas de redes sociais para evitar a disseminação de informações incorretas e falsas. Essa é apenas uma medida temporária”, afirmou a Presidência do país em comunicado. 

Segundo as autoridades, pelo menos 45 pessoas morreram em Colombo, 67 em Negombo, 25 em Batticaloa e 2 em Dehiwala.

O presidente do Sri Lanka, Maithripala Sirisena, pediu calma ao país após a série de atentados.

“Por favor, fiquem calmos e não sejam enganados por rumores”, declarou Sirisena em mensagem à nação. O presidente, que se mostrou “em ‘choque’ e triste com o que ocorreu”, esclareceu que “as investigações estão em curso para descobrir que tipo de conspiração está por trás desses atos cruéis”.

*Com informações da Deutsche Welle (agência pública da Alemanha)