Estado acusa deputados de invasão a hospital

A Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo emitiu uma nota neste sábado (17) afirmando que o deputado federal Kim Kataguiri (DEM/SP) e os deputados estaduais Ricardo Mellão (Novo) e Arthur do Val (Patriotas) “invadiram” o Hospital Geral de Guarulhos na tarde de sexta-feira (16). O parlamentares alegaram que estavam fazendo uma “fiscalização surpresa”. 

“Parlamentares invadiram o Pronto Socorro e tentaram acessar – à força – a área restrita do hospital para atendimento a casos graves de COVID-19, onde é permitida apenas a circulação de profissionais de saúde, promovendo aglomeração e risco à equipe e aos pacientes da ala”, diz a nota.

Além de noticiar o ocorrido, a Secretaria também critica os deputados alegando que isso não é uma postura esperada de uma autoridade pública. 

Kataguiri e do Val usaram as redes sociais para explicar a situação. O deputado federal criticou a Secretaria de Saúde e a chamou de mentirosa, pois eles não invadiram o hospital em Guarulhos. Ele ainda alega que toda a fiscalização foi feita com “educação, parcimônia e obedecendo os protocolos sanitários”.

Já o deputado estadual publicou um vídeo explicando como aconteceu a fiscalização e afirmou que foi ao hospital porque enviou emendas para ele. “Houve um choque de uma fiscalização surpresa com vídeo; as pessoas resistem e isso é normal, mas que em nenhum momento usamos de grosseria e violência”, alegou o parlamentar. 

O deputado Ricardo Mellão não se manifestou sobre o episódio.

Por TV Cultura

Mulheres ficam feridas em capotamento na Ayrton Senna

Acidente gerou congestionamento sentido São Paulo (Guarulhos Web/Reprodução)

Três mulheres ficaram feridas no fim da tarde de hoje (28) após um capotamento na Rodovia Ayrton Senna, na região do bairro de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Segundo o Corpo de Bombeiros, que mobilizou oito equipes para o local, todas as vítimas são maiores de idade, mas não tiveram o nome divulgado.

Duas ocupantes do carro foram levadas em estado grave para o Hospital Geral de Guarulhos. Uma apresentava trauma na cabeça e a outra tinha “considerável sangramento”, segundo os Bombeiros.

A terceira ferida foi levada para o Hospital Pimentas, também em estado grave. Não há detalhes do tipo de trauma sofrido por essa vítima.

Por causa do acidente, a concessionária Ecopistas, responsável pela rodovia, apontava pelo site congestionamento entre os kms 17 e 24.

Mãe e filho recém nascido são atropelados

Uma mãe e o filho dela, de 40 dias de vida, foram atropelados na noite deste sábado (13), em Guarulhos. O acidente foi na rua Martim Afonso, na Vila Galvão.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a criança sofreu ferimentos na cabeça e a mãe foi socorrida com lesões nas costas. As vítimas foram levadas para o Hospital Geral de Guarulhos. Não há informações sobre o estado de saúde.

A Polícia Civil vai investigar o atropelamento.

https://spagora.com.br/carro-bate-em-caminhao-pega-fogo-e-mata-quatro-pessoas/