Artista mexicano lança museu virtual em Nova York

ernesto ríos
ernesto ríos
Ernesto Ríos (Foto: Divulgação)

Um dos artistas plásticos mais conhecidos no México e destaque mundial como muralista, Ernesto Ríos se prepara para lançar um museu virtual no México. De acordo com ele, muito logo, o ponto de encontro da humanidade para eventos culturais será na internet, ou seja, plataformas digitais, páginas, aplicativos e redes sociais. “Pelo mesmo motivo, o mundo está comprando imóveis virtuais, construindo e hospedando espaços de difusão, publicidade para sua própria manifestação, seja ela mercantil ou cultural”, disse.

Para levar adiante seu projeto, foi convidado um dos maiores nomes do design, Edwin Salgado. Ele será o responsável para construir o Museu Virtual Ernesto Ríos, artista que já recebeu homenagens em diversos países como Colômbia, Argentina, Venezuela, Cuba, Peru, República Dominicana, Brasil e Espanha, além de vencer o Recorde do Guinness por ter feito o maior mural do mundo, e agora será homenageado com um museu.

Imagem: Reprodução

O projeto integra o Museu Internacional VR CAMBASS GALLERY, dirigido pela colombiana Eliana Pedroza, do New York Museum and Art ES New York Corporation. Ernesto Ríos que já tem sua própria galeria na Cidade do México para apoiar os artistas.

O museu virtual também contará com uma grande sala de exposição, “a sala do Piramidismo Cromático” com o nome do artista equatoriano Gonzalo Tayo Silva “Gotasi”, criador da nova tendência internacional do Piramidismo Cromático.

A sala Gonzalo Tayo Silva “Gotasi” “Piramidismo Cromático” será o palco do concurso internacional anual de Piramidismo Cromático que apoiará, ano após ano, a arte e criatividade mundial de artistas adultos, adolescentes e crianças através da genialidade desta nova corrente pictórica.

” Além disso, este Museu abrirá permanentemente a sua agenda de exposições onde se possam apoiar criadores de pintura, muralismo, escultura, object art, instalação e performance, bem como técnicas novas e experimentais que continuam a aumentar a duração, didáctica, intelecto, talento e criatividade que carrega espiritualidade, fraternidade, paz e harmonia” , adiantou Ernesto Ríos.

A obra será proposta para se tornar um museu fisicamente construído nos Estados Unidos e no México em um futuro próximo, assim como o próximo projeto que será o Museu do Piramidismo, também projetado para ser construído em diferentes países.

O jornalista Antonio Marques escreve sobre rádio, televisão e famosos desde 1990 e é um dos colunistas do portal SP Agora.

Bolsonaro embarca para participar da Assembleia da ONU

Por Andreia Verdélio

O presidente Jair Bolsonaro viajou hoje (23) para Nova York, nos Estados Unidos, onde participa da abertura da 74ª Assembleia Geral das Nações Unidas. O avião com a comitiva presidencial partiu da Base Aérea de Brasília por volta das 7h e a chegada esta prevista para as 14h55.

Nesta terça-feira (24), Bolsonaro tem encontro confirmado com o secretário-geral da ONU, António Guterres. No mesmo dia, acontece seu pronunciamento na Assembleia Geral. Tradicionalmente, cabe ao presidente do Brasil fazer o discurso de abertura, seguido do presidente dos Estados Unidos.

Não estão previstos encontros bilaterais com outros chefes de Estado. A previsão é que o presidente embarque de volta ao Brasil já amanhã a noite.

A agenda também inclui, segundo o Palácio do Planalto, um encontro com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, mas ainda não há detalhes sobre a agenda.

Bolsonaro cancela viagem a Nova York

O presidente Jair Bolsonaro cancelou a ida a Nova York, nos Estados Unidos, onde participaria de evento em que seria homenageado como “Personalidade do Ano de 2019”. A homenagem foi proposta pela Câmara de Comércio Brasil-EUA. A viagem estava prevista para este mês. Com a decisão, o presidente também cancelou agenda em Miami.

Em nota, o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, diz que Bolsonaro agradece a homenagem proposta. “Entretanto, em face da resistência e dos ataques deliberados do prefeito de Nova York [Bill de Blasio] e da pressão de grupos de interesses sobre as instituições que organizam, patrocinam e acolhem em suas instalações o evento anualmente, ficou caracterizada a ideologização da atividade”, destaca o porta-voz.

Avião da Delta que decolou de Cumbica faz pouso de Emergência

(ABC/Reprodução)

Um avião da Delta, que decolou do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, na noite de quarta-feira (19), fez um pouso de emergência em Nova York. A aeronave foi recebida por bombeiros assim que tocou a pista do Aeroporto Internacional John F. Kennedy.

Segundo a emissora de TV ABC, bombeiros direcionaram jatos d’água para o trem de pouso debaixo da asa direita. Não houve feridos.

Imagens da ABC mostram o avião sendo rebocado em seguida para um dos portões de desembarque. À Folha de S. Paulo, a Delta informou que que os passageiros desembarcaram normalmente.