Imagem feita do alto mostra carrega incendiada, caixas com a carga espalhadas pelo asfalto. Sobre a carreta é possível ver um foco de fogo e fumaça.

Carreta com carne pega fogo na Dutra

Após uma carreta que transportava carne bovina pegar fogo em Piraí (RJ), o trânsito teve que ser interditado na Via Dutra durante a manhã desta segunda-feira (8). O acidente ocorreu na pista de descida da Serra das Araras, sentido Rio de Janeiro. O caso foi divulgado pela CCR RioSP, concessionária que administra a rodovia.

O imprevisto teve início por volta das 6h20 no km 224. Pouco mais de duas horas depois, os motoristas já enfrentavam um engarrafamento de quase 20 quilômetros, que chegou ao município de Pinheiral (RJ). Agentes da CCR RioSP e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) atuam na ocorrência.

Imagem feita do alto mostra carrega incendiada, caixas com a carga espalhadas pelo asfalto. Sobre a carreta é possível ver um foco de fogo e fumaça.
(Rede Social/via TV Cultura)
Cones de sinalização orientam motoristas no trecho interditado da rodovia Presidente Dutra. Em apenas uma faixa o trânsito de veículos está liberado.

Pista local da Dutra em Guarulhos é liberada parcialmente

A pista local da Rodovia Presidente Dutra, em Guarulhos, na Grande São Paulo, sentido Capital Paulista, foi parcialmente liberada no fim da tarde hoje (9). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a faixa esquerda da rodovia voltou a operar às 17h20.

“Desta forma, o tráfego passa a ser feito pela mesma de forma reduzida naquele ponto”, informa a PRF.

Na madrugada de sexta-feira (7), uma cratera na lateral da rodovia engoliu parte da pista. O trânsito foi totalmente bloqueado e desviado para a pista expressa.

Cones de sinalização orientam motoristas no trecho interditado da rodovia Presidente Dutra. Em apenas uma faixa o trânsito de veículos está liberado.
(PRF)

Apesar da liberação neste domingo, “não há previsão de liberação total da via, pois, esta fica sujeita à avaliação técnica”, diz, em comunicado, a PRF.

Operários e técnicos analisam cratera aberta na rodovia. Máquina retroescavadeira posicionada sobre o asfalto.

Cratera interdita pista local da Dutra e complica o trânsito

Uma cratera interditou a pista local da Rodovia Presidente Dutra, em Guarulhos, na Grande São Paulo, na madrugada de hoje (7). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o asfalto cedeu no quilômetro 214, sentido São Paulo.

Fotos divulgadas pela PRF mostram que uma das pistas foi engolida pela cratera. Uma rachadura também afetou outras vias no mesmo sentido.

“Asfalto cedeu e obrigou o desvio para a pista expressa naquele ponto”, informou a PRF.

Operários e técnicos analisam cratera aberta na rodovia. Máquina retroescavadeira posicionada sobre o asfalto.
(PRF/Reprodução)

Logo ao amanhecer, técnicos e operários começaram a trabalhar no local. Ainda não há previsão para liberação do trecho.

Por conta da obra de recuperação, o trânsito ficou complicado no sentido São Paulo, na manhã de hoje.

Foto noturna mostra pista destruída e cidade ao fundo.
(PRF/Reprodução)

Engavetamento na Dutra mata seis pessoas

(PRF/via G1/Reprodução)

Um engavetamento na rodovia Presidente Dutra, em São José dos Campos, interior do Estado, matou seis pessoas e deixou várias feriadas. O acidente, na manhã de hoje (14), envolveu um caminhão, um ônibus fretado e quatro carros.

Ao G1, a Polícia Rodoviária Federal informou que o ônibus bateu na traseira do carro, prensando o veículo contra o caminhão que estava logo a frente. O ônibus pegou fogo e todos os ocupantes do carro atingido inicialmente morreram carbonizados.

Outros três carros também se envolveram no engavetamento. O acidente foi no sentido de São Paulo e a pista chegou a ficar interditada.

Mulher morre após despencar com o carro na Dutra

(Reprodução)

Uma motorista morreu após o veículo que ela dirigia despencar de uma altura de 15 metros na Rodovia Presidente Dutra, na região de Guarulhos, na Grande São Paulo. O acidente aconteceu no início da noite de ontem (8), na altura do quilômetro 215 da pista sentido Rio de Janeiro, no Jardim Otawa.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a motorista estava acompanhada de outra mulher e trafegava com o veículo por uma rua em trecho elevado (Rua da Servidão) paralela à rodovia, quando perdeu o controle da direção. Ao despencar, o carro caiu sobre a pista Rodovia Presidente Dutra.

O impacto da queda foi tão forte que o veículo ficou completamente destruído. A motorista morreu no local.

Já a passageira, de 55 anos, sofreu uma parada cardiorrespiratória e foi encaminhada pela equipe de resgate da Concessionária CCR NovaDutra, em estado grave, ao Hospital Municipal Pimentas-Bonsucesso. O acidente foi registrado no Quarto Distrito Policial de Guarulhos.

*Por Paulo Édson Fiore

PRF prende traficantes e apreende 650 quilos cloridrato de cocaína

Várias coincidências levam a Polícia a acreditar que haja uma conexão entre os dois carregamentos de drogas. Isso porque estavam sendo transportados em veículos semelhantes, que saíram da mesma cidade da Grande São Paulo e seguiam para o Rio de Janeiro.

A primeira apreensão ocorreu pela manhã na praça de pedágio localizada no quilômetro 204 da pista sentido Interior, no município de Arujá, ainda na região metropolitana.

Durante fiscalização, um GM Spin prata, com placas da Capital, foi parado, e o motorista, de 24 anos, demonstrou nervosismo. Como as informações prestadas pelo condutor eram desconexas, os agentes decidiram vistoriar o carro.

Foi quando encontraram, no porta-malas e sobre os bancos, 296 tabletes de cloridrato de cocaína, que, pesados posteriormente, totalizaram 323 quilos da droga.

Questionado, o suspeito informou que pegou o veículo em um posto de combustíveis na cidade de Diadema e receberia 15 mil reais para entregá-lo no Rio de Janeiro.

O carro e as drogas foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil em Arujá.

O segundo motorista foi preso no final da tarde no quilômetro 18 da Dutra, no município de Lavrinhas, já no Interior do Estado. A droga também seguia de Diadema para o Rio de Janeiro e também estava em um GM Spin, assim como a ocorrência da manhã. O condutor, um homem de 28 anos, foi encaminhada à Polícia Federal do município de Cruzeiro.

As duas ocorrências totalizaram 653 quilos de cloridrato de cocaína, gerando um prejuízo total estimado em 97 milhões de reais ao crime organizado.

O cloridrato de cocaína é o primeiro produto obtido a partir do refino da pasta base de cocaína e é impróprio para o consumo devido ao seu alto teor corrosivo. Uma vez recebida pelos traficantes, a droga seria misturada a outros produtos para só então ser revendida aos usuários finais.

*Com informações do repórter Paulo Édson Fiore, da rádio Jovem Pan.
Veja esta e outras notícias no canal do Youtube do repórter Paulo Édson Fiore, da rádio Jovem Pan.

Ação orienta caminhoneiros na Dutra

(Arquivo/Agência PRF/Reprodução)

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) promoverá, com a participação de diversos parceiros, ação educativa e de saúde para os condutores do transporte rodoviário de cargas. A iniciativa será durante a Semana Nacional do Trânsito, de sexta-feira (18) a segunda-feira (21), na rodovia Presidente Dutra (BR-116), no Posto de Pesagem Veicular de Guararema, interior de São Paulo.

O objetivo é orientar os caminhoneiros sobre questões de segurança viária, prevenção de doenças e divulgação do Registro Nacional de Transportador de Cargas -RNTRC digital, que permite ao transportador realizar ou atualizar o cadastro pela internet.

Serviço

Ação Educativa Semana Nacional do Trânsito 2020

Data:  18 a 21 de setembro de 2020 (sexta a segunda)

Horário: das 8h às 12h.

Local: Posto de Pesagem Veicular de Guararema/SP

Endereço: Rodovia Presidente Dutra (BR-116) km 179,4

Mulher é presa na Dutra com armas e munição

Uma mulher foi presa com um verdadeiro arsenal dentro de um ônibus na Rodovia Presidente Dutra, em Lavrinhas, no Interior de São Paulo.O flagrante foi realizado na noite desta quinta-feira por policiais rodoviários federais durante fiscalização no posto localizado no quilômetro 18 da pista sentido Rio de Janeiro.

(Agência PRF)

Um coletivo que fazia a linha entre o terminal rodoviário do Tietê e Vitória, no Espírito Santo, foi parado para averiguação.
Em revista no compartimento de bagagens, os agentes encontraram uma mochila contendo algumas peças de roupa e, escondidas entre elas, seis armas sendo 5 pistolas, de calibres 9mm, 380 e ponto 40, e um revólver calibre 357.

Também havia 173 munições e 9 carregadores de diversos calibres, além de uma mira a laser. A princípio, nenhum passageiro assumiu a titularidade da bagagem, mas, após interrogatório, uma mulher de 30 anos, que estava bastante nervosa, acabou confirmando que a bolsa era dela.

A passageira disse que a mochila lhe havia sido entregue por uma pessoa perto da rodoviária da Capital para ser levada até Vitória e afirmou que receberia dinheiro para isso, mas não soube precisar o valor. Cães farejadores foram usados na revista ao bagageiro do ônibus, mas nada mais de ilícito foi encontrado.

A ocorrência foi registrada no Distrito Policial do município de Cruzeiro, onde a mulher foi autuada em flagrante e permaneceu presa.

Por Paulo Édson Fiore – Repórter da Jovem Pan

Ministro promete pedágio mais barato na Dutra

(Marcos Santos/Jornal da USP/via Fotos Públicas)

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse hoje (13) que o modelo para a nova concessão da Via Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, vai permitir uma redução de pelo menos 20% da tarifa de pedágio.

Atualmente, o valor total para ir de uma capital a outra está em cerca de R$ 60 e deve ficar, segundo a estimativa, abaixo de R$ 50. “Vai pagar menos tarifa do que paga hoje, tendo muito mais investimentos”, ressaltou o ministro ao fazer uma apresentação do projeto na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

De acordo com o ministro, a disputa pela administração da via será feita a partir de uma combinação entre a oferta de menor tarifa e o pagamento de outorga pela concessão.

A ideia é que as empresas não reduzam demais o preço do pedágio e depois fiquem sem caixa para a administração da estrada. “No leilão, vamos estabelecer um patamar de desconto. Na competição, a tarifa vai baixar ainda mais [do que 20%]. E a partir do momento em que atingimos um teto, mudamos para outorga, porque é uma maneira de preservar o caixa e garantir que, de fato, o investimento vai ser feito”, explicou. Freitas acredita que o leilão possa ser realizado ainda este ano.

Investimentos

Estão previstos R$ 32 bilhões de investimentos para manutenção e melhorias na rodovia. A concessão deve englobar ainda a rodovia Rio-Santos. Segundo Freitas, a intenção é viabilizar obras na rodovia que, se fosse  concedida sozinha, não teria sustentabilidade econômica. “A maneira que encontramos de fazer investimentos na Rio-Santos foi através da Dutra”, justificou o ministro.

O projeto para nova concessão da rodovia após o fim do contrato atual, sob administração da CCR, prevê a duplicação de 215 quilômetros e 315 quilômetros de novas faixas. Com isso, a Rio-Santos deverá passar a ser pista dupla do Rio de Janeiro até Angra dos Reis.

Devem ser construídos ainda 40 quilômetros de vias marginais. Além disso, haverá um forte projeto de monitoramento por câmeras e de iluminação por lâmpadas de led. “Nós vamos ter iluminação de led na rodovia inteira, câmeras a cada 500 metro e interligação com órgãos de segurança”, enfatizou Freitas.

Pedágio em Guarulhos

Entre os pontos controversos da proposta está a cobrança de pedágio no trecho entre São Paulo e Guarulhos, município da região metropolitana com principal aeroporto Grande São Paulo. Com a implantação do chamado sistema free flow, que cobra pela distância percorrida, a estimativa é que a tarifa para trafegar entre as duas cidades fique em torno de R$ 1,90. O tráfego pelas vias marginais, no entanto, poderá ser feito de forma gratuita.

Durante a reunião com o ministro, o prefeito de Guarulhos, Gustavo Henric Costa, questionou sobre a possibilidade de ao menos os moradores da cidade serem isentados da cobrança. De acordo com ele, a rodovia é usada como uma avenida pelos motoristas do município.

Por Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil 

Chuva interdita rodovia Presidente Dutra

(Reprodução)


A chuva forte que atingiu a região metropolitana de São Paulo no fim da tarde de hoje (3) interditou parte da rodovia Presidente Dutra, na região de Arujá.

A enxurrada forte invadiu uma das pistas e dificultou a passagem de veículos. Apenas a faixa da esquerda ficou liberada para os veículos no quilômetro 196 sentido São Paulo. O congestionamento já passa de cinco quilômetros.

Na pista expressa, sentido Rio de Janeiro, segundo a concessionária, o trânsito está completamente bloqueado.

São Paulo

Durante toda tarde, regiões de São Paulo ficaram em estado de ‘Atenção’ para alagamentos, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). A chuva forte começou pela Zona Sul, às 13h55 e esse alerta se espalhou para outras áreas. A recomendação foi retirada para toda capital quando a chuva diminuiu, às 19h15.

No decorrer do dia, 13 pontos de alagamento foram identificados pela Prefeitura. O mais grave ocorreu na Rua Aluisio Azevedo, no Centro, que ainda estava interditada quando os alertas foram removidos, no começo da noite.

Ocorrências

O Corpo de Bombeiros informou que até o começo da noite de hoje registrou 29 chamados para queda de árvores. A corporação confirmou também que atendeu três casos de alagamentos durante o dia. As equipes de resgate foram mobilizadas ainda para quatro ocorrências de desabamento ou desmoronamento.

Um dos casos aconteceu na Rua Lealdade, 380, na região do Jaguaré. Oito equipes dos bombeiros foram para o local, onde um homem estava soterrado. Ele foi resgatado e levado para Pronto Socorro Regional de Osasco. Segundo os bombeiros, ele estava bem, sem fraturas.

*Atualizado às 19h31