Operação combate fraude na compra de merenda escolar

Por Flávia Albuquerque

(Arquivo)


A Polícia Federal deflagrou hoje (26) uma operação para coletar dados que complementem as informações obtidas em colaboração premiada feita por dois investigados pela Polícia Federal e Ministério Público Federal, que foram alvo da primeira fase da mesma investigação, em maio de 2018.

A Operação Cadeia Alimentar 2 cumpre 57 mandados de busca e apreensão e 27 mandados de prisão temporária em 27 cidades do estado de São Paulo. 

A investigação apura irregularidades em procedimentos licitatórios e desvio de verbas relacionados à compra de merenda escolar em pelo menos 50 municípios do estado de São Paulo. Entre os alvos da operação estão empresários, lobistas, servidores e ex-servidores públicos, uma vereadora, ex-prefeitos, secretários e ex-secretários de governo.

Os mandados de buscas estão endereçados a residências, empresas, três prefeituras e uma Câmara dos Vereadores.

A operação abrange a capital paulista, as cidades de Americana, Atibaia, Campinas, Franca, Garça, Matão, Orlândia, Paulínia, Rio Claro, São Carlos, São Joaquim da Barra, São José do Rio Preto, São Roque, Sorocaba, Sumaré, Taquaritinga e Votorantim, no interior; Cotia, Itapevi, Jandira e Osasco, na região metropolitana de São Paulo; Guarujá, Cubatão, Praia Grande, Santos e São Vicente, na Baixada Santista.

Os investigados vão responder pelos crimes de organização criminosa, fraude a licitações, falsidade ideológica, corrupção ativa, prevaricação e corrupção passiva. As penas, somadas, podem chegar a 28 anos de prisão.

DNA Natural expande atuação no interior de São Paulo

Rede tem 27 anos de mercado (Divulgação)

Com design moderno e cardápio alinhado com as novidades da marca, a unidade localizada no centro da cidade de Piracicaba abre ao público no próximo dia 29, com sede no edifício Splendor Office. A DNA Natural é uma rede focada em alimentação saudável e balanceada, onde o sabor dos pratos é tão importante quanto seu valor nutricional.

“Recentemente eu e minha esposa mudamos nosso estilo de vida, focados em mais qualidade, principalmente na alimentação. Escolhi a DNA Natural, pois a rede partilha deste mesmo propósito”, comenta Marcelo Ribeiro da Silva, engenheiro e proprietário da unidade.

Na DNA Natural, os clientes encontram opções para todas as refeições. De lanches rápidos a pratos mais elaborados, que atendem as necessidades dos mais variados tipos de dietas alimentares.



Piracicaba foi escolhida a dedo por Ribeiro, que veio de Maracaju, no estado do Mato Grosso, para abrir seu restaurante. “Foi por intermédio de um parente que conheci a cidade. É um município em crescimento e com muitas oportunidades de negócio. Acredito que a DNA Natural vem para atender desde crianças, executivos e até idosos. Todos aqueles que focam na importância de comer bem” comenta.

A DNA Natural pertence ao Grupo Restaura. Com mais de 27 anos de mercado, o grupo é composto pelas marcas Restaura Jeans, Minha Lavanderia e DNA Natural. “Já contamos com uma unidade da Restaura Jeans em Piracicaba e agora chegamos com a nossa marca de alimentação saudável, um novo tipo de negócio com a mesma qualidade já reconhecida no mercado” comenta Paulo Conrad, diretor executivo do Grupo.

Interessados em entrar no negócio podem se cadastrar pelo site.

Ficha Técnica 

DNA NATURAL – BISTRÔ

Espaço gourmet com mesas e cadeiras próprias, trabalha com cardápio completo.

Investimento Inicial: R$ 250.000,00 (já incluso taxa de franquia)

Taxa de franquia: R$ 39.900,00

Área média para Instalação: 90m²

Tipo de negócio: Restaurante de alimentação saudável

Ano de fundação: 2007

Ano de fundação do franchising: 2010

Royalties: 5%

Taxa de publicidade: 2,5%

Faturamento médio da unidade: R$ 95.000,00

Margem líquida: 20%

Prazo médio para retorno: 24 meses

 DNA NATURAL – SQUARE

Modelo para shoppings e praça de alimentação, trabalha com cardápio diferenciado.

Investimento Inicial: R$ 240.000,00 (já incluso taxa de franquia)

Taxa de franquia: R$ 39.9000,00

Área média para Instalação: 50m²

Tipo de negócio: Restaurante de Alimentação saudável

Ano de fundação: 2007

Ano de fundação do franchising: 2010

Royalties: 5%

Taxa de publicidade: 2,5%

Faturamento médio da unidade: R$ 90.000,00

Margem líquida: 15% a 20%

Prazo médio para retorno: 24 meses

Celina Harumi quer disputar vaga na Assembleia Legislativa de SP

Com a proximidade da realização das convenções partidárias, os partidos começam a se movimentar para a escolha dos nomes que deverão disputar um cargo eletivo. O cenário político dá sinais de que poderá haver uma renovação, especialmente nas eleições para deputados estaduais e federais e muitos nomes surgem em municípios pequenos como é o caso de Paraguaçu Paulista, onde a engenheira agrônoma Celina Harumi anunciou sua pré-candidatura a deputada estadual pelo PV de SP.

Descendente de japoneses, a sua história não é igual a de todos os imigrantes japoneses que chegaram ao Brasil. A rota traçada pela família para chegar até aqui seguiu um roteiro diferente, passando antes pelos Estados Unidos. No Brasil, ela construiu sua história pessoal e profissional, apesar de todas as barreiras enfrentadas. “Minha família veio dos Estados Unidos, na década de 20, com um grupo de outros descendentes de japoneses que lá viviam. Resolveram imigrar para o Brasil devido a vida por lá não ser fácil por conta da discriminação racial”, conta Celina Harumi.

Ela lembra que foi através do avô materno Tokow Yamada que a família veio para o Brasil. A maioria dos imigrantes japoneses que vivem no Brasil vieram para trabalhar nas lavouras de café como colonos, diferente do que aconteceu na Bunka, que vieram como proprietários das terras adquiridas. Acreditando poder contribuir com seu estado e país, ela anunciou sua pré-candidatura a deputada estadual pelo PV de São Paulo.

Celina Harumi é formada em Engenharia Agronômica pela Escola Superior de Agronomia de Paraguaçu Paulista (SP). É pós graduada em Gestão Agroambiental pela FAEF/IAC. Em seu currículo constam Pós Graduação em Desenvolvimento Rural Sustentável, Agroecologia e Agricultura Familiar – MDA/Unincor, Licenciatura plena em Agronomia – Unisalesiano e Pós Graduação em políticas públicas.

Ela estáenvolvida em diversos projetos culturais e comunitários na região de Paraguaçu Paulista e resolveu entrar para a política para poder ampliar sua atuação social e representar os interesses de sua comunidade.