Após perseguição na Marginal, polícia prende bandido em caminhão roubado

A Polícia Militar prendeu, na madrugada de hoje (21), um homem que estava com um caminhão roubado. A prisão aconteceu depois de uma perseguição na Marginal do Tietê, que terminou perto da ponte da Freguesia do Ó, na zona norte de São Paulo.

O veículo foi identificado pelos policiais na Avenida do Anastácio, no Parque São Domingos, zona oeste da cidade, mas o condutor ignorou a determinação de parada e deu início à fuga. Após a prisão dos suspeitos, a polícia descobriu que o caminhoneiro havia ficado refém de parte da quadrilha e foi abandonado pelos assaltantes na Rodovia dos Bandeirantes. Ele foi localizado algum tempo depois, sem ferimentos. 

O caminhoneiro havia saído do Porto de Santos, no litoral, e seguiria para Mato Grosso.

Casos

Nos dois primeiros meses deste ano, 1.093 roubos de carga foram registrados no Estado de São Paulo, segundo números da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP). Em todo ano passado, 5.918 caminhoneiros foram vítimas de criminosos no estado e tiveram a carga roubada.

*Com Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Protesto contra fase vermelha no Estado fecha Marginal

(Rede Social/Reprodução)

Manifestantes bloquearam, na manhã de hoje (5), a Marginal Tietê, sentido da rodovia Ayrton Senna, contra a fase vermelha de restrição. A medida anunciada pelo governador do estado de São Paulo, João Doria, é para tentar conter o avanço da Covid-19. 

Números da Secretaria Estadual da Saúde indicam que 77,4% dos leitos de UTI no Estado estão ocupados. Na região metropolitana de São Paulo o quadro é ainda pior, com 79,1% dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo com pacientes.

Durante o protesto, vans e caminhões estacionaram fechando as três pistas da via (expressa, central e local). Faixas contra o governador eram apresentadas. 

Esta semana, ao anunciar as medidas mais duras contra a circulação de pessoas, o governador disse que “estamos hoje, em São Paulo e no Brasil, à beira de um colapso na saúde. Isso exige medidas urgentes, coletivas”. “Exige também a sensibilidade daqueles que preferiram praticar o negacionismo, fazer aglomerações, promover festividades, não usar máscaras, ridicularizar aqueles que usam mascaras e se protegem. Não é só um problema de um governo negacionista, é também um problema de parte da população que nega existência e que se expõe, desnecessariamente, ao risco de perderem suas vidas e estimularem que outras pessoas a perder suas vidas também”, completou Doria.

A partir de amanhã (6), todo o estado entrará na fase vermelha do Plano São Paulo, e apenas serviços essenciais poderão permanecer abertos. A medida vale até o dia 19 de março e poderá ser prorrogada.

*com TV Cultura

Marginal Tietê terá interdições esta noite

Marginal Tietê perto da Ponte da Casa Verde (SP Agora)

A Marginal Tietê será interditada a partir das 23h de hoje (9) até às 4h de terça-feira (4). As interdições, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), vão ser necessárias para obras de manutenção da vida, a mais importante de São Paulo.

Durante o trabalho, o trânsito será direcionado para a pista local. Agentes da CET vão monitorar a situação.



Veja abaixo os trechos que terão o trânsito bloqueado.

Interdições

• Marginal Tietê, sentido Castelo Brancopista expressa, entre a ponte Doutor Miguel Arraes (Ponte Aricanduva), até ponte Governador Orestes Quércia;
• Marginal Tietê, sentido Castelo Branco, pista central, entre a ponte Presidente Jânio Quadros (Ponte da Vila Maria) e ponte Jornalista Walter Abraão (Ponte Casa Verde).

Temporal provoca desmoronamentos e enchente

O temporal que atingiu São Paulo na tarde de hoje (8) dezenas de chamados ao Corpo de Bombeiros em pouco mais de uma hora. A cidade mais afetada foi Osasco, na Grande São Paulo. Segundo um balanço divulgado às 14h47, houve sete ocorrências de desmoronamentos e 27 de enchentes na cidade. Ainda não há informações sobre vítimas.

A corporação também recebeu pedidos de ajuda para 53 quedas de árvores na região metropolitana.

Estado de Atenção

Desde às 13h15, bairros da ZN e a Marginal Tietê ficaram sob riscos de alagamentos.

Segundo o CGE, “áreas de instabilidade ganharam força assim que chegaram à cidade”.

“O deslocamento continua sendo lento, de noroeste para sudeste, com núcleos de forte intensidade, inclusive, com probabilidade de queda de granizo”, advertiu o CGE no começo da tarde.

Além da Capital, o temporal deixou Caieiras, na região metropolitana, na eminência de transbordamento de rio. Desde às 13h40, o Estágio de Atenção para Alagamentos foi ampliado para a Marginal Pinheiros e área Central. Zona Leste e Zona Sul também estiveram em Estado de Atenção para alagamentos.


*atualizado às 16h05

Novo complexo amplia coleta e tratamento de esgoto

Entrega do novo interceptor do Rio Tietê – ITI


O governador de São Paulo, João Doria, entregou hoje (4) as obras que ampliam a coleta e o tratamento de esgoto nas zonas central e do centro expandido da capital paulista. O complexo conta com o Interceptor Tietê 7 (ITi-7) – um túnel construído sob a pista da Marginal Tietê –, a Estação Elevatória de Esgoto Piqueri, o novo Coletor-Tronco Anhangabaú e o Interceptor Tamanduateí (ITa-1J).

Com um orçamento de R$ 390 milhões, o empreendimento deve beneficiar cerca de 2,2 milhões de pessoas, especialmente o grupo que trabalha ou reside na área abrangida, que totaliza mais de 350 mil. A estrutura construída engloba 16 bairros, cruzando o bairro de Vila Buarque até as proximidades do Parque Zoológico de São Paulo.

O Coletor-Tronco Anhangabaú e o Interceptor Tamanduateí recolhem o esgoto, transferindo o volume para o ITi-7, que tem 7,5 quilômetros de extensão. Na sequência, a substância é conduzida até a Estação Elevatória Piqueri, de onde é bombeada para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Barueri. O sistema tem capacidade para bombear até 4 mil litros de esgoto por segundo.

Despoluição

Ao lançar o complexo, Doria afirmou que ele vai contribuir para a despoluição do Rio Tietê, que corta o estado de leste a oeste. “Ou seja, mais coleta, menos dejeto, menos poluição no Rio Tietê”, disse.

O governador reiterou ainda uma promessa feita durante sua campanha: a de que promete concluir, até dezembro de 2022, o projeto de despoluição do Rio Pinheiros. Segundo ele, já foi preparado um cronograma para cumprimento da meta.

“Está mantido o cronograma para a entrega, até dezembro de 2022, fo Rio Pinheiros limpo, em condições adequadas e no padrão internacional de um rio considerado limpo. Evidentemente que o Rio Pinheiros não será um rio para nadar ou usufruir dentro do rio, mas, como o Sena [da França] ou o Tâmisa [da Inglaterra], será um rio inodor, sem nenhum cheiro, odor, e sem nenhum lixo de superfície e com vida dentro.”  Doria acrescentou que o prazo poderá ser estendido, caso haja alguma “intempérie do ponto de vista judicial” ou contestação do Ministério Público.

“Até 2028, é a nossa expectativa para despoluição do Rio Tietê, dentro do mesmo propósito e do mesmo pilar: se não tivermos nenhuma intercorrência de ordem judicial, principalmente, que sempre retarda o processo”, acrescentou o governador.

Por  Letycia Bond – Repórter da Agência Brasil

Chuva derruba 30 árvores e enchente mobiliza bombeiros

Marginal Tietê, altura da ponte da Casa Verde


A chuva que atingiu São Paulo na tarde deste sábado (14) fez com que o Corpo de Bombeiros recebessem 13 chamados para enchentes. Ao menos 30 árvores caíram. Os alertas de alagamentos do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) começaram pela Zona Norte e pela Marginal Tietê, às 14h32.

Foram áreas de instabilidade que se formaram na região de Campinas, no interior do Estado, que trouxeram a chuva. Pancadas de forte intensidade foram detectadas.

Às 15h14, o aviso de risco de alagamento foi extendido para a Marginal Pinheiros e as zonas Central, Leste e Oeste da Capital.

“A baixa velocidade de deslocamento do sistema eleva o potencial para formação de alagamentos”, informou o CGE.

Depois das 16h, os Córregos Tremembé, na altura da Rua Garabed Gananian, e Paciência, na altura da Avenida Edu Chaves, chegaram a eminência de transbordar.


Leia Também

https://spagora.com.br/deslizamentos-de-terra-matam-avo-e-3-criancas/cidades/interior-de-sao-paulo/

*Atualizado às 20h02


Investigação apura queda de passarela que bloqueou Marginal

Queda da estrutura atrasou a saída de paulistanos para o feriado e feriu uma pessoa
(Corpo de Bombeiros/via Fotos Públicas)


A Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras da Prefeitura da Cidade de São Paulo (SIURB) vai abrir na segunda-feira (18) uma apuração preliminar de responsabilidade pelo acidente com a passarela de serviço sobre a Marginal do Tietê. As pistas da Marginal Tietê foram liberadas hoje (15), às 5h da manhã. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o trânsito flui normalmente. 

A passarela de metal utilizada em uma obra caiu no início da noite de ontem (14), bloqueando todas as pistas no sentido interior. A estrutura, instalada próxima à ponte Comunidade Húngara, na zona norte, atingiu dois ônibus e um carro. Segundo o Corpo de Bombeiros, ao menos uma pessoa teve ferimentos leves.

A passarela era uma estrutura de apoio das obras da Ponte Pirituba-Lapa, que estão sendo executadas pelo consórcio formado pelas empresas EIT/Constran. A obra é uma futura ligação entre a Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, no trecho entre as pontes Ulisses Guimarães e Piqueri.

A queda da estrutura ocorreu no momento em que uma forte tempestade atingia a cidade de São Paulo, com rajadas de vento que chegaram a 82 km/h. De acordo com Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), no local do acidente, os ventos podem ter sido ainda mais fortes.  

Previsão do Tempo

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) da Prefeitura de São Paulo, o tempo começou chuvoso na madrugada e manhã de hoje (15). “As precipitações variam de intensidade e o solo encharcado favorece a formação de alagamentos e deslizamentos nas áreas de risco”, disse o meteorologista do CGE da Prefeitura de São Paulo, Thomaz Garcia. No decorrer da tarde, as instabilidades se afastam e não há previsão de chuva significativa.

Sol volta a brilhar, mas madrugadas continuam frias

Região da Marginal Tietê, perto da ponte da Casa Verde (Nivaldo Lima/SP Agora)

O sol voltou a brilhar forte em São Paulo na manhã de hoje (29). Durante a madrugada, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), 13,4°C. A previsão para hoje é de máxima de 23°C, diz o CGE.

“A próxima semana será marcada pelo predomínio de uma massa de ar seco que irá influenciar diretamente na diminuição da nebulosidade e consequente elevação das temperaturas, com baixos percentuais de umidade do ar, principalmente durante as tardes”, afirma o relatório do órgão da prefeitura de São Paulo. 

Moradores aproveitaram a manhã de sol para caminhar na Avenida Braz Leme (SP Agora)

Amanhã (30), o sol vai predominar entre nuvens desde o amanhecer, após uma madrugada com termômetros na casa dos 14°C. À tarde fica mais agradável, com temperaturas chegando aos 27°C.

O ar seco entra em declínio apresentando os menores valores na faixa dos 40% e sem previsão de chuvas até o fim do dia.

“Na terça-feira (01), a estabilidade atmosférica segue assegurada, com um dia marcado por predomínio de sol, temperaturas em rápida expansão e taxas de umidade em queda acentuada, onde os valores variam entre 32% e 90%. A temperatura máxima chega facilmente aos 30°C e o dia vai terminar mais uma vez sem previsão de chuvas”, finaliza o CGE.

Ponte Jaguaré está interditada sentido bairro; veja alternativas

Interdição vai durar 15 dias (Nivaldo Lima/SP Agora)

O sentido bairro da Ponte do Jaguaré foi interditado hoje (10) pela Prefeitura de São Paulo para obras de recuperação devido ao incêndio que atingiu a estrutura este ano. A medida, que já havia sido parcialmente colocada em prática durante a última semana, com a interdição de duas faixas, vai durar quinze dias.

Durante as obras, será preciso usar macacos hidráulicos para substituir 24 aparelhos de apoio e para troca de uma junta de dilatação, que age para não permitir o rompimento diante da movimentação da estrutura. A parte inferior será reforçada, assim como a área de passeio para os pedestres.

(Prefeitura de São Paulo/Reprodução)

Alternativas

  • Os veículos oriundos da Avenida Queiroz Filho, em direção à Avenida Jaguaré, poderão trafegar pelo tabuleiro da Ponte, sentido centro, que funcionará da seguinte forma:
    • Pico da Manhã: duas faixas no sentido bairro/centro e uma faixa no sentido centro/bairro;
    • Pico da Tarde: duas faixas no sentido centro/bairro e uma faixa no sentido bairro/centro;
    • A inversão da operação se dará de acordo com as condições do trânsito no acesso à ponte;

Recomendações

  • ·                   Atenção à sinalização e eventuais movimentações das máquinas e equipamentos relativos à obra;
  • ·                   Se necessitar pedir informações, proceda de forma a não comprometer a fluidez do trânsito;
  • ·                   Ao avistar a canalização de orientação na pista, reduza a velocidade dos veículos para maior segurança.

Manutenção

O programa de Manutenção de Obras de Artes Especiais (OAE) da Prefeitura prevê a realização de vistorias em 185 pontes e viadutos da cidade, como determinou o prefeito Bruno Covas. Deste total, 73 já passaram por vistoria visual, o que resultou na contratação emergencial de 18 laudos estruturais (16 foram entregues) e atualmente 36 laudos estão sendo licitados. A licitação para contratação de outros 19 laudos será publicada nas próximas semanas, as vistorias visuais continuam sendo executadas.

Leia Também

https://spagora.com.br/plataforma-oferece-conteudo-gratuito-sobre-diversidade-no-conarh/

Caminhão com fuzis, munição e drogas é flagrado na marginal

Por  Bruno Bocchini

(Polícia Civil/Reprodução)

A Polícia Civil de São Paulo apreendeu hoje (9) seis fuzis, 7 mil munições e meia tonelada de maconha que estavam no fundo falso de um caminhão na capital paulista. O veículo foi abordado no acesso da Marginal Tietê, na zona oeste da cidade. O motorista, um homem de 39 anos, foi preso. Ele admitiu que tinha conhecimento da carga ilegal.

De acordo com a polícia, o caminhão veio do Paraguai e tinha como destino a capital paulista, onde a carga seria distribuída. Foram encontrados seis fuzis modelo AR 15 e 7 mil munições de calibre 556 e 762. Parte da droga teria como destino Minas Gerais.

O motorista foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. A Polícia Civil estimou que o crime organizado perdeu, com a apreensão, cerca de R$ 1,5 milhão. O preso será encaminhado ao 77º Departamento de Polícia de Santa Cecília. Ele deverá será encaminhado à Audiência de Custódia neste sábado (10).

Leia Também

https://spagora.com.br/metro-14-executivos-viram-reus-por-corrupcao/