Funcionários de Cumbica são presos após roubo de ouro

Falsa viatura usada pelos bandidos durante o roubo (Polícia Civil/Reprodução)

Dois funcionários do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, foram presos por suspeita de envolvimento no roubo de de 718,9 quilos de ouro. A primeira prisão foi realizada na noite de sábado (27) e foi confirmada, em nota, pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), neste domingo (28).

O crime aconteceu na última quinta-feira (25) quando dez assaltantes invadiram o terminal de cargas do aeroporto.

Eles usaram carros clonados e com adesivos da Polícia Federal, além de estarem fortemente armados. A ação durou poucos minutos e foi gravada por câmaras de segurança.

Segundo a Polícia Civil, um dos funcionários tem cargo de supervisão da equipe e chegou a dizer, durante as investigações, que a família dele havia sido ameaçada. Desde o início, investigadores desconfiavam da participação de funcionários do aeroporto.

O ouro roubado está avaliado em mais de R$ 110 milhões e ainda não foi localizado.

*Atualizado às 20h43

https://spagora.com.br/casa-pega-fogo-e-idosa-de-69-anos-morre-queimada/
https://spagora.com.br/onibus-intermunicipais-ficam-mais-caros-hoje/

Bandidos abrem túnel para furtar combustível e acabam presos

(Deic/Reprodução)

Bandidos abriram um túnel na região da Avenida Sapopemba, em Santo André, no ABC paulista, para furtar combustível de uma tubulação que passava pelo local. Segundo o Departamento Estadual de Investigação Criminal (Deic), o túnel, descoberto na madrugada neste sábado (8), começava dentro de uma casa e tinha, pelo menos, 20 metros de comprimento e cinco de profundidade.

O caso era investigado há uma semana e os agentes da Polícia Civil descobriram que o combustível, retirado da tubulação de uma distribuidora da região, era levado para um posto de combustível em Guarulhos. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, um homem foi preso no local e dois donos de postos foram detidos. Outras pessoas são procuradas.

(Deic/Reprodução)