Seleção brasileira de futsal é convocada para amistosos

Reprodução / Twitter oficial @CBF_FUTEBOL

O técnico da seleção brasileira de futsal, Marquinhos Xavier, anunciou nesta sexta-feira (29) a relação de atletas convocados para os amistosos contra o Marrocos. As partidas serão disputadas nos dias 16 e 17 de novembro, na cidade de Laayoune (Marrocos).

Esta é a primeira convocação da seleção brasileira após a disputa do Mundial da Lituânia, disputado em setembro e que o Brasil terminou na 3ª posição.

“Demos o primeiro passo no final do ciclo [Mundial] com algumas mudanças. Agora vamos iniciar um segundo momento, reforçar nosso elenco. Não vamos mudar radicalmente todos os jogadores. Então, vai ser natural ter jogadores que estiveram nesse ciclo e que ainda podem agregar na seleção, mostrando equilíbrio. Queremos ter para o próximo Mundial jogadores experientes. A renovação tem de ser bem pontuada. Então, vamos colocando atletas novos, realizando esta mescla”, declarou Marquinhos Xavier.

Como os amistosos coincidiram com os jogos finais da Liga Nacional de Futsal (LNF), a convocação conta apenas com jogadores que atuam na Europa.

Jogadores convocados:

Goleiros: Henrique – Jaén (ESP) e Leonardo – Tyumen (RUS).
Fixos: Rangel – Kairat (CAZ) e Marlon – Palma (ESP).
Alas: Júlio Zanotto – Norilsk Nickel (RUS), Bruno de Castro – Dynamo S. (RUS), Marcel – El Pozo (ESP), Diego Nunes – Palma (ESP), Felipe – El Pozo (ESP), Chimba – Gazprom-Ugra Yugorsk (RUS) e Dyego – Barcelona (ESP).
Pivôs: Ferrão – Barcelona (ESP), Pito – Barcelona (ESP) e Rafael dos Santos – El Pozo (ESP).

Por Agência Brasil 

Brasil decide no 2º tempo e vence tchecos na Copa do Mundo de futsal

Reprodução / Twitter Oficial CBF / Thaís Magalhães / CBF

A seleção masculina de futsal chegou à segunda vitória na primeira fase da Copa do Mundo, disputada na Lituânia. Nesta quinta-feira (16), os brasileiros derrotaram a República Tcheca por 4 a 0 na arena da cidade de Klaipeda, pela segunda rodada do Grupo D.

O resultado praticamente garantiu o escrete canarinho nas oitavas de final, já que os dois primeiros do grupo passam de fase diretamente, além dos quatro melhores terceiros colocados entre as seis chaves. O Brasil lidera o Grupo D com seis pontos e 12 gols de saldo, três pontos à frente dos tchecos e do Vietnã (que, também nesta quinta, venceu o Panamá por 3 a 2). A seleção da América Central, adversária dos brasileiros neste domingo (19), às 10h (horário de Brasília), está zerada.

O Brasil dominou as ações na maior parte do primeiro tempo, mas parou nas boas defesas do goleiro Libor Gercak e duas vezes na trave. Os tchecos melhoraram à medida que o duelo transcorreu e criaram lances de perigo, mas não acertaram as finalizações.

Na etapa final, a seleção desencantou. Aos dois minutos, o pivô Ferrão recebeu na direita e chutou forte, vencendo Gercak para abrir o placar. No minuto seguinte, Ferrão escapou da marcação com um giro e marcou o segundo dele no jogo (e o sexto no Mundial). Aos cinco, foi a vez de o fixo Rodrigo balançar as redes, chegando ao 100º gol pelo Brasil. O escrete canarinho diminuiu o ritmo, mas, no minuto final, ainda ampliou a fatura, com uma bomba do fixo Marlon, no ângulo.

Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional

Brasil goleia Vietnã na estreia da Copa do Mundo de futsal

Reprodução / Twitter Oficial CBF / Thaís Magalhães / CBF

A seleção masculina de futsal iniciou a Copa do Mundo da modalidade com goleada. Nesta segunda-feira (13), os brasileiros atropelaram o Vietnã por 9 a 1 na Arena Svyturys, em Klaipeda, na Lituânia, país-sede do evento.

O resultado deixou o Brasil na liderança do Grupo D após a primeira rodada, com os mesmos três pontos da República Tcheca (que derrotou o Panamá por 5 a 1), ficando na frente pelo saldo de gols. Os tchecos, aliás, são os próximos adversários da seleção comandada por Marquinhos Xavier, nesta quinta-feira (16), às 14h (horário de Brasília). Os dois primeiros colocados avançam às oitavas de final, além dos quatro melhores terceiros entre as seis chaves da primeira fase.

Aos três minutos, o fixo Rodrigo tabelou com o pivô Ferrão e chutou forte para abrir o placar. Dois minutos depois, o ala Gadeia avançou pela direita e cruzou para Ferrão, de primeira, aumentar a vantagem brasileira. Aos sete, Ferrão dominou na entrada da área, girou e bateu entre as pernas do goleiro Van Y Ho. O Vietnã descontou aos 14 minutos, em chute de Dinh Hung Kong, após cobrança de lateral. No lance seguinte, porém, o também pivô Dieguinho fez o quarto da seleção canarinho. Segundos antes do intervalo, o pivô Pito ampliou a fatura brasileira.

Na primeira jogada do segundo tempo, Ferrão interceptou a troca de passes vietnamita e bateu na saída de Ho para assinalar o sexto do Brasil. Aos quatro minutos, o pivô balançou as redes pela quarta vez no jogo ao receber passe de Rodrigo e finalizar cruzado. Quatro minutos depois, o goleiro do Vietnã falhou no domínio da bola com os pés e Dieguinho aproveitou, fazendo o oitavo gol. Aos 17, Bruno cruzou pela esquerda e o também ala Leozinho, de primeira, deu números finais à goleada verde e amarela.

O Brasil busca o oitavo título mundial no futsal, sendo o sexto desde que a Federação Internacional de Futebol (Fifa) passou a organizar a competição. A conquista mais recente veio em 2012, na Tailândia. Na última edição, em 2016, disputada na Colômbia, os brasileiros caíram para o Irã nas oitavas de final. A atual campeã é a Argentina.

Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional 

Futsal: buscando o 8º título, Brasil conhece grupo da Copa do Mundo

Reprodução / Facebook Oficial Fifa Futsal World Cup

A Fifa realizou, nesta terça-feira (1º), em Lausanne, na Suíça, o sorteio das chaves da Copa do Mundo de Futsal. O torneio vai ser realizado entre os dias 12 de setembro a 3 de outubro, na Lituânia.

A seleção brasileira, que busca o oitavo título, ficou no Grupo D ao lado de República Tcheca, Panamá e Vietnã. O primeiro jogo será no dia 13 de setembro, contra o Vietnã. Depois, a equipe do técnico Marquinhos Xavier pega a República Tcheca, no dia 16 de setembro, e fecha a fase de classificação enfrentando o Panamá no dia 19.

O campeonato estava marcado para 2020, mas foi adiado em função da pandemia de covid-19. Serão três sedes. Os três primeiros jogos da equipe nacional ocorrerão em Klaipėda. Além dessa cidade, Vilnius, a capital do país, e Kaunas, que receberá a abertura e a final da competição, também serão sedes.

O mundial vai contar com 24 seleções na disputa, e seguem adiante rumo às oitavas de final os dois primeiros colocados de cada chave e os quatro melhores terceiros.

Grupos do Mundial de Futsal

Grupo A: Lituânia, Costa Rica, Cazaquistão e Venezuela;
Grupo B: Rússia, Egito, Guatemala e Uzbequistão;
Grupo C: Portugal, Tailândia, Ilhas Salomão e Marrocos;
Grupo D: Brasil, República Tcheca, Panamá e Vietnã;
Grupo E: Espanha, Paraguai, Japão e Angola;
Grupo F: Argentina, Irã, Sérvia e Estados Unidos

Por Juliano Justo, repórter da Agência Brasil