Por vaga antecipada na Copa, Brasil encara Colômbia nas Eliminatórias

O Brasil pode finalizar a 13ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo matematicamente garantido no Catar. Para isso, é preciso bater a Colômbia nesta quinta-feira (11), às 21h30 (horário de Brasília), na Neo Química Arena, em São Paulo. A Rádio Nacional transmite o confronto.

Se ganhar nesta quinta, a seleção comandada por Tite vai a 34 pontos e abre 18 de diferença para os próprios colombianos, que ocupam o quarto lugar e podem até igualar o Brasil na pontuação final, mas ficarão atrás pelo número de vitórias. Na pior das hipóteses, a equipe canarinho se garante na repescagem mundial em caso de triunfo na capital paulista.

A vaga direta à Copa, portanto, pode ser confirmada na sexta-feira (12), se o Uruguai perder da Argentina como anfitrião no estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu. Os uruguaios somam os mesmos 16 pontos da Colômbia, mas ainda podem chegar aos mesmos dez triunfos do Brasil, caso a seleção verde amarela não some mais pontos até o fim das Eliminatórias.

“Para mim, estamos classificados com a pontuação que temos. Agora, partimos para um estágio de preparação específica para jogos de Copa do Mundo, onde podemos enfrentar, por exemplo, uma Colômbia nas quartas de final ou nas oitavas de final. Isso é fato, como aconteceu em 2014. E, para mim, [a Colômbia] estará na Copa, é uma projeção. Nós estamos trabalhando em cima dessa evolução e dessa pressão que estou colocando agora”, declarou Tite, em entrevista coletiva na manhã da última quarta-feira (10).

À tarde, em atividade na própria Neo Química Arena, Tite confirmou a escalação que mandará a campo com quatro alterações em relação ao time que derrotou o Uruguai por 4 a 1 na Arena da Amazônia, em Manaus, no último dia 14 de outubro, pela rodada anterior das Eliminatórias. Retornam o goleiro Alisson, o lateral-direito Danilo, o zagueiro Marquinhos e o volante Casemiro, respectivamente nas vagas de Ederson, Emerson, Lucas Veríssimo (lesionado) e Fabinho. A formação canarinho terá Alisson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Raphinha, Gabriel Jesus e Neymar.

Apesar de ocupar um lugar no G4 das Eliminatórias e estar invicta há nove jogos, a Colômbia vive um momento irregular. A seleção dirigida por Reinaldo Rueda (ex-Flamengo) venceu somente duas vezes nesta sequência, com sete empates. Nos últimos três compromissos, sendo um deles contra o próprio Brasil, em casa, a equipe não saiu do zero.

O atacante Radamel Falcao Garcia, contundido, é o principal desfalque dos Cafeteros (como é conhecida a seleção colombiana). Por outro lado, o meia-atacante James Rodriguez, ex-Real Madrid (Espanha) e atualmente no Al-Rayyan (Catar), foi convocado pela primeira vez após um ano ausente. Vale destacar também as presenças do meia Victor Cantillo (Corinthians) e do atacante Miguel Borja (Grêmio), que representam o Campeonato Brasileiro no selecionado de Rueda.

Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional 

Tite prioriza atletas que atuam no exterior em convocação

O técnico Tite priorizou os jogadores que atuam no Brasil na convocação da seleção masculina para os dois próximos duelos das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Catar. A única exceção na lista de Tite, anunciada nesta sexta-feira (29), é a presença do goleiro Gabriel Chapecó, de 21 anos, que atua no Grêmio.  Outra novidade, é o retorno do retorno à equipe do meia Philippe Coutinho, do Barcelona.

“Nós conversamos com o Grêmio. Nós não queremos prejudicar os atletas e trouxemos um jogador que não está titular agora, mas que tem 23 jogos como titular. Mas que tem, nas categorias de base e na seleção olímpica, todo um histórico que o credencia a estar”,  disse Tite sobre a convocação do goleiro Chapecó.

Líder na tabela de classificação das Eliminatória, a seleção brasileira está bem perto de confirmar a vaga na Copa do Catar 2022. O escrete canarinho entra em campo no dia 11 de novembro (quinta-feira), às 21h30 (horário de Brasília), contra a Colômbia, atual quarta colocada, na NeoQuímica Arena, em São Paulo.  Cinco dias depois, Brasil mede forças com a Argentina, vice-líder,  em San Juan,  às 20h30.

Tite também comentou o retorno de Coutinho à seleção: o meia voltou a jogar nesta temporada no Barcelona, após se recuperar de grave lesão no joelho esquerdo.

 “ Nós procuramos ter uma série de atletas. Fica prejudicada a convocação dos “atletas brasileiros”. Qual a posição do Couto? Ele é um meia articulador. Everton Ribeiro, infelizmente não foi possível. Seria o jogador? Seria o jogador do Flamengo convocado. E aí nós temos outras opções. Um grande jogador retomando seu padrão, e é uma oportunidade de ele estar retomando naquela função”, explicou o treinador.

Em 11 jogos disputados até o momento, o Brasil soma até o momento dez vitórias e um empate. Tem 31 pontos, seis a mais que a Argentina, segunda colocada. Na terceira posição está o Equador (17 pontos) e em quarto a Colômbia (16).

Convocados

GOLEIROS

Alisson – Liverpool (ING)

Ederson – Manchester City (ING)

Gabriel Chapecó – Grêmio

LATERAIS

Danilo – Juventus (ITA)

Emerson Royal – Tottenham (ING)

Alex Sandro – Juventus (ITA)

Renan Lodi – Atlético de Madrid (ESP)

ZAGUEIROS

Éder Militão – Real Madrid (ESP)

Lucas Veríssimo – Benfica (POR)

Marquinhos – Paris Saint-Germain (FRA)

Thiago Silva – Chelsea (ING)

MEIAS

Casemiro – Real Madrid (ESP)

Fabinho – Liverpool (ING)

Fred – Manchester United (ING)

Gerson – Olympique de Marseille (FRA)

Lucas Paquetá – Lyon (FRA)

Philippe Coutinho – Barcelona (ESP)

ATACANTES

Antony – Ajax (HOL)

Firmino – Liverpool (ING)

Gabriel Jesus – Manchester City (ING)

Matheus Cunha – Atlético de Madrid (ESP)

Neymar Jr. – Paris Saint-Germain (FRA)

Raphinha – Leeds United (ING)

Por Agência Brasil

Copa do Brasil: CBF anuncia datas e locais da volta das quartas

Fotos: Thais Magalhães CBF / Via Fotos Públicas

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, no final da noite da última terça-feira (17), as datas, horários e locais de realização dos jogos de volta das quartas de final da Copa do Brasil. As partidas estão marcadas para os dias 14, 15 e 16 de setembro.

O primeiro confronto, que terá como palco o estádio da Vila Belmiro, será entre Santos e Athletico-PR, a partir das 21h30 (horário de Brasília) do dia 14. No dia 15 acontecem outros dois duelos: Flamengo e Grêmio, a partir das 21h30 no Maracanã, e Fortaleza e São Paulo, no mesmo horário no Castelão.

Já o dia 16 terá apenas um confronto, Atlético-MG e Fluminense, a partir das 21h30 no Mineirão, em Belo Horizonte.

Jogos de ida

A CBF já havia anunciado anteriormente os detalhes dos confrontos de ida. O primeiro jogo a ser realizado será entre Athletico-PR e Santos, no dia 25, a partir das 19h (horário de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba. Na mesma data, a partir das 21h30, Grêmio e Flamengo medem forças em Porto Alegre, enquanto São Paulo e Fortaleza se enfrentam no Morumbi, em São Paulo.

O primeiro jogo entre Fluminense e Atlético-MG será no dia 26, a partir das 21h30, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

Por Agência Brasil

Zagallo completa 90 anos e tem vida narrada em documentário da Fifa

Lucas Figueiredo CBF / Via Fotos Públicas

Tetracampeão mundial como jogador, técnico e coordenador da seleção brasileira,  o alagoano Mario Jorge Lobo Zagallo, o Velho Lobo, completa 90 anos de vida nesta segunda-feira (9). Entre as homenagens ao ícone do futebol nacional,  um documentário lançado hoje no Youtube pela Fifa,  entidade do futebol mundial, conta a trajetória de quase meio século de vínculo entre Zagallo com o escrete canarinho, seja como jogador ou no comando técnico.

 A obra conta com depoimentos de craques da bola dentro e fora de campo, como Pelé, Rivelino, Ronaldo Fenômeno, Carlos Alberto Parreira e o treinador português José Mourinho.

As celebrações pelos 90 anos do Velho Lobo começaram ainda nas primeiras horas desta segunda (9). Afinal, a história de Zagalo e do futebol nacional estão interligados há quase meio século. Antes mesmo de sonhar em vestir a amarelinha, Zagallo foi fisgado pela seleção ao presenciar a derrota para o Uruguai, no Maracanã, na Copa do Mundo de 1950. Na ocasião, com 19 anos, Zagallo era militar na Polícia do Exército e foi recrutado para trabalhar na segurança nas arquibancadas do estádio. 

O desempenho no Flamengo, primeiro grande clube no qual Zagallo atuou como ponta esquerda, foi decisivo para ele ser convocado para a seleção que consquistou o segundo título mundial para o país, na Copa da Suécia (1958). O Velho Lobo também levantou a taça Jules Rimet em 1962 (Chile). Depois, como técnico do Brasil, faturou a Copa do México (1970) e, em 1994,  já como coordenador técnico da seleção, foi tetra no Mundial nos Estados Unidos.

Em depoimento ao documentário da Fifa, Pelé fez questão de ressaltar a importância de Zagallo para sua carreira. “Tenho de agradecer por tudo. Acho que 50% do que eu fiz pela seleção brasileira foi por culpa do Zagallo”.  

O Botafogo, primeiro time treinado por Zagallo assim que se aposentou dos gramados, também homenageou o Velho Lobo nas redes sociais, assim como Corinthians, e Portuguesa

“Minha paixão pela seleção brasileira começou mesmo antes que eu me tornasse jogador ou técnico. Eu já torcida pela seleção. As coisas foram acontecendo. O verde e amarelo jamais saiu da minha cabeça”, afirmou Zagallo no documentário da Fifa.

Por Agência Brasil

Tite convoca Seleção Brasileira para a Copa América

Nesta quarta-feira (9), o técnico Tite oficializou os nomes dos 24 jogadores que defenderão a seleção brasileira em busca de mais um título da Copa América. A lista manteve a base que participou dos dois últimos jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar de 2022 (vitórias contra o Equador por 2 a 0, no Beira-Rio, em Porto Alegre, e novamente por 2 a 0 sobre o Paraguai no Defensores del Chaco, em Assunção). A única mudança no grupo verde e amarelo é a saída do zagueiro Rodrigo Caio, que substituiu  Thiago Silva  nesses dois jogos.

De acordo com o departamento médico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o atacante Gabriel Barbosa, do Flamengo, queixou-se de dores musculares na perna direita depois do jogo desta terça-feira (8). Nessa manhã, em São Paulo, ele foi submetido a uma ultrassonografia que apontou um pequeno edema, mas que não o impede de ser convocado e estar à disposição do técnico Tite para a Copa América. Os médicos do Flamengo acompanham de perto a situação do jogador.

De acordo com a programação da CBF, os jogadores devem se reapresentar na próxima sexta-feira (11), em São Paulo. No Grupo B, o Brasil estreia no dia 13 contra a Venezuela, na Arena Mané Garrincha, em Brasília, às 18 horas. No mesmo dia, às 21 horas, Colômbia e Equador fecham a rodada dessa chave em  jogo na Arena Pantanal. O Peru, quinto time do Grupo, folga na primeira rodada.


Confira a lista:

GOLEIROS
Alisson – Liverpool (ING)
Ederson – Manchester City (ING)
Weverton – Palmeiras

LATERAIS
Alex Sandro – Juventus (ITA)
Danilo – Juventus (ITA)
Emerson – Barcelona (ESP)
Renan Lodi – Atlético de Madrid (ESP)

ZAGUEIROS
Éder Militão – Real Madrid (ESP)
Felipe – Atlético de Madrid (ESP)
Marquinhos – Paris Saint-Germain (FRA)
Thiago Silva – Chelsea (ING)

MEIO-CAMPISTAS
Casemiro – Real Madrid (ESP)
Douglas Luiz – Aston Villa (ING)
Everton Ribeiro – Flamengo
Fabinho – Liverpool (ING)
Fred – Manchester United (ING)
Lucas Paquetá – Lyon (FRA)

ATACANTES
Everton – Benfica (POR)
Gabriel Barbosa – Flamengo
Gabriel Jesus – Manchester City (ING)
Neymar Jr. – Paris Saint-Germain (FRA)
Richarlison – Everton (ING)
Roberto Firmino – Liverpool (ING)
Vini Jr – Real Madrid (ESP)

Por Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional 

Após denúncia de assédio, presidente da CBF é afastado

Rogério Caboclo, presidente afastado da CBF (Lucas Figueiredo/CBF/via Fotos Públicas)

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo, foi afastado do comando da entidade neste domingo (06/06). A decisão foi tomada pela Comissão de Ética da CBF e vale por 30 dias.

No período, a CBF será comandada por Antônio Carlos Nunes de Lima, o Coronel Nunes, um dos cinco vice-presidentes da entidade, seguindo o critério de antiguidade no cargo. Nunes já ocupou o cargo entre 2017 e 2019, no período do afastamento de Marco Polo Del Nero até a posse de Caboclo.

Caboclo passou a ser alvo de pressão para se afastar nesta semana, após uma funcionária da entidade acusá-lo de assédio sexual e moral. A defesa do dirigente nega as acusações.

Caboclo vinha resistindo a deixar o cargo. Segundo veículos de imprensa  brasileiros, houve pressão de patrocinadores e de vários dirigentes de federações estaduais pelo afastamento de Caboclo. A denunciante relatou conversas inoportunas e comportamento inapropriado por parte do dirigente.

O afastamento de Caboclo também ocorre menos de uma semana depois de o dirigente ter se aliado ao presidente Jair Bolsonaro para trazer a Copa América ao Brasil, após Argentina e Colômbia desistirem de sediar o torneio. A decisão de trazer uma competição internacional em meio à pandemia – o Brasil é  o segundo país com mais mortes pela doença no mundo – abriu uma crise com a seleção, com jogadores e o técnico Tite, sinalizando que não desejam jogar o torneio.

Segundo o jornalista do SporTV André Rizek, Caboclo chegou a prometer a Bolsonaro que a crise seria resolvida com a substituição de Tite, que poderia ocorrer na próxima semana. Um nome foi especulado para substituir o técnico, o ex-jogador Renato Gaúcho, um apoiador do governo Bolsonaro. O início da Copa América está previsto para 13 de junho.

Segundo jornais brasileiros, o governo está irritado com a possibilidade de que a seleção não dispute jogos do torneio, o que seria um vexame para o Planalto, que articulou a vinda da Copa América.

Caboclo estava no cargo desde 2019. Três antecessores do dirigente na chefia da CBF perderam o cargo entre 2012 e 2017 após escândalos, entre eles Ricardo Teixeira, José Maria Marin e Marco Polo Del Nero.

Por Deutsche Welle

jps (ots)

Brasil faz primeiro treino antes de enfrentar o Equador

Reprodução / Facebook Oficial CBF

Na tarde desta sexta-feira (28), a seleção brasileira de futebol realizou o primeiro treino, na Granja Comary, antes dos jogos contra o Equador e Paraguai, que serão realizados no início de junho e são válidos pelas eliminatórias da América do Sul para a Copa do mundo de 2022, no Catar.

Todos os jogadores que já se apresentaram participaram do trabalhado comandado pelo técnico Tite, exceto Douglas Luiz que apresentou um quadro de amigdalite. O grupo conta, neste momento, com 18 atletas, no total foram 24 convocados pelo treinador para os próximos compromissos.  

Thiago Silva, do Chelsea, Ederson e Gabriel Jesus, ambos do Manchester City, desembarcarão no Rio de Janeiro nos próximos dias, pois estão concentrados com seus respectivos clubes para a final da Liga dos Campeões da Europa, que será no sábado (29). Além dos que atuam no velho continente, o goleiro Weverton, do Palmeiras, Gabigol e Everton Ribeiro, do Flamengo, também se juntarão a delegação para completar a lista.

Ontem o grupo realizou testes clínicos e físicos e na manhã de hoje fez um novo trabalho de preparação na academia. Os jogadores, Tite e a comissão técnica viajarão para Porto Alegre na quarta-feira da semana que vem. O primeiro duelo da data Fifa será realizado no estádio do Beira-Rio.

O Brasil é o atual líder das Eliminatórias e segue com 100% de aproveitamento. Até aqui, foram quatro vitórias, contra Bolívia, Peru, Venezuela e Uruguai. São 12 pontos somados. A Argentina é a segunda colocada com dez.

CBF divulga tabela do Brasileiro Feminino Sub-16

Nesta quinta-feira (27), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou a tabela detalhada do campeonato nacional feminino Sub-16 da temporada 2021. Serão 12 clubes participantes jogando em esquema de bolha sanitária na cidade paulista de Sorocaba. Além do formato bolha, as atletas também passarão por testes de covid-19 ao longo do torneio. Começando no dia 26 de junho, o torneio terá duração de pouco mais de uma semana.

No Grupo A, ficaram Internacional (campeão da edição de 2020); Iranduba; Grêmio e Audax. Na chave B, estão Minas Brasília; Santos; São José e Vitória. São Paulo; Ferroviária; Kindermann e Corinthians formam o Grupo C. Na Primeira Fase, os clubes jogam entre si em turno único dentro de suas respectivas chaves. Ao final das três rodadas programadas, avançam para as semifinais os líderes de cada grupo, assim como o melhor 2º colocado geral. As semifinais e finais serão disputadas em partidas únicas.

Confira abaixo os dados dos jogos:

1ª Rodada

26 de junho (sábado)

8:30 – Internacional RS x Grêmio RS – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

8:30 – Iranduba AM x Audax SP – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

10:30 – Minas Brasília DF x São José SP – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

10:30 – Santos SP x Vitória BA – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

15:00 – São Paulo SP x Kindermann SC – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

15:00 – Ferroviária SP x Corinthians SP – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

2ª Rodada

28 de junho (segunda-feira)

8:30 – São José SP x Santos SP – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

8:30 – Vitória BA x Minas Brasília DF – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

10:30 – Kindermann SC x Ferroviária SP – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

10:30 – Corinthians SP x São Paulo SP – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

15:00 – Grêmio RS x Iranduba AM – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

15:00 – Audax SP x Internacional RS – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

3ª Rodada

30 de junho (quarta-feira)

8:30 – São Paulo SP x Ferroviária SP – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

8:30 – Kindermann SC x Corinthians SP – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

10:30 – Internacional RS x Iranduba AM – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

10:30 – Grêmio RS x Audax SP – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

15:00 – Minas Brasília DF x Santos SP – CT Sorocaba 1, Sorocaba SP

15:00 – São José SP x Vitória BA – CT Sorocaba 2, Sorocaba SP

Semifinal

2 de julho (sexta-feira)

1º Geral x Melhor 2º – Sorocaba SP (horário a definir)

2º Geral x 3º Geral – Sorocaba SP (horário a definir)

Final

4 de julho (domingo)

10:00 – 2º do Grupo D ou E x 2º do Grupo D ou E – Sorocaba SP (Disputa 3º Lugar)

15:00 – 1º do Grupo D ou E x 1º do Grupo D ou E – Sorocaba SP (Decisão)

Por Juliano Justo – Repórter da Agência Brasil

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou na noite desta quinta-feira (14) que a classificação de Palmeiras e Santos para a final da Copa Libertadores da América levou à alteração da 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Como a grande decisão está programada para acontecer no dia 30 de janeiro, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, a diretoria de competições da CBF decidiu mudar os jogos do Peixe e do Verdão pelo Brasileiro programados para o dia 31 de janeiro.

Agora, o Palmeiras mede forças com o Botafogo no dia 2 de fevereiro, às 16h (horário de Brasília), no Allianz Parque, em São Paulo. Já o Santos faz o clássico com o Corinthians em 17 de fevereiro, no estádio da Vila Belmiro, em Santos.

Por Agência Brasil

Dirigente da CBF fala de retorno de treinos no futebol brasileiro

Segundo Feldman, no momento só haverá um retorno aos treinos (Wilson Dias/Agência Brasil)

O secretário-geral da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Walter Feldman, falou nesta quinta (30) que já se começa a trabalhar na possibilidade de retorno dos treinos das equipes brasileiras de futebol, mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“Decidimos iniciar nessa semana o processo de retorno ao futebol baseados exatamente em uma pergunta ao Ministério da Saúde. Se era possível voltarmos com segurança. Já havíamos elaborado um protocolo de segurança para o retorno do futebol baseado em passos consistentes e subsequentes, que foi aprovado pelo secretário de saúde”, declarou o dirigente em uma entrevista realizada pela internet.

Segundo Feldman, no momento só haverá um retorno aos treinos, mas com várias restrições, para garantir a segurança de atletas e membros de comissões técnicas: “Haverá restrições de alojamento e refeitórios, para que possa haver uma configuração de Centro de Treinamento parecido com o que acontece em casa, com aspectos até mais rigorosos, pois teremos a presença de médicos regularmente”.

No entanto, o dirigente garantiu que, mesmo com o retorno dos treinos, ainda é cedo para se falar na volta de jogos de futebol: “Não há possibilidade alguma de falar em retomada das competições, seria insensato. Esse período de treinos pode demorar cerca de 15, 20 dias. Isso dependerá do sucesso desse processo controlado e do combate à pandemia. Porém, já sabemos que, se retornarmos ao futebol, será com portões fechados”.