Polícia Civil faz operação contra furto e roubo de celular na Capital

A Polícia Civil faz hoje (28) uma ação envolvendo mais de mil agentes contra o roubo de celulares na cidade de São Paulo. São 460 viaturas de oito delegacias seccionais e de grupos especiais, como o Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) e o Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope).

Os agentes fazem diligências em estabelecimentos que atuam na compra, venda, revenda e desmonte de aparelhos de telefone celular. A operação tem ainda o apoio da Guarda Civil Metropolitana (GCM).

De acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública de São Paulo, os aparelhos de telecomunicação representam 26% dos objetos roubados no estado.

Por Agência Brasil

Mãe e filho ficam cinco horas reféns de bandidos

Avenida Zaki Narchi, onde mãe e filho foram encontrados (GoogleStreetView/Reprodução)

Bandidos fizeram mãe e o filho, de 13 anos, reféns por cinco horas na Vila Guilherme, zona norte de São Paulo. O crime só terminou com a chegada da Polícia Militar.

As vítimas foram rendidas no início da noite de ontem, quando saíam de casa. Dois assaltantes surgiram, um deles armado, e anunciaram o roubo, invadindo o veículo dos moradores.

Após recolher celulares e os cartões de crédito e bancário da motorista, 40 anos, eles a colocaram, assim como o adolescente, no banco de trás e passaram a circular pela região. Enquanto isso, após vários telefonemas sem resposta, o namorado da mulher decidiu pedir ajuda em uma base da Polícia Militar.

Enquanto um criminoso permaneceu com mãe e filho, o comparsa saiu para fazer compras e saques nas contas da vítima. Quando ele  retornou, os assaltantes seguiram para as imediações da Avenida Zaki Narchi, no Carandiru. 

Por volta de 23h, Pms viram o veículo estacionado, com quatro pessoas dentro, e decidiram fazer a abordagem. Mas, percebendo a aproximação da viatura, os ladrões desceram do carro e correram para o outro lado da avenida, onde sumiram pelas vielas ao lado da Avenida Zachi Narchi e ainda não foram identificados.

Mãe e filho foram encontrados dentro do carro, com os rostos cobertos pela máscara de proteção. Nenhum dos dois estava ferido, mas a mulher sofreu uma crise nervosa e precisou ser levada a um pronto-socorro.

*Com Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Foragido, assaltante atira em motorista de aplicativo durante assalto

Um homem foragido da justiça foi preso, no fim da noite de ontem (22), na Barra Funda, em São Paulo, após atirar em um motorista de aplicativo durante um assalto. O criminoso, de 23 anos, e dois comparsas abordaram a vítima na área de embarque e desembarque de passageiros no Terminal Rodoviário da Barra Funda.

O motorista de aplicativo estava dentro do carro quando foi abordado pelos assaltantes. Os bandidos recolheram o aparelho celular e objetos pessoais, e atiraram na vítima, atingindo o braço do motorista .

Enquanto o Samu fazia o socorro, um dos suspeitos foi abordado pela Polícia Militar. Ele tentou enganar os policiais, dizendo que havia sido vítima de uma tentativa de roubo, mas, ao ser revistado, a arma do crime foi encontrada.

Questionado, segundo os PMs, o suspeito confessou a participação no assalto ao motorista. Ele já tinha passagens por roubo e receptação, e estava foragido da Justiça desde dezembro, quando foi beneficiado pela saída temporária de Natal e não retornou à Penitenciária de Franco da Rocha, na Grande São Paulo, onde cumpria pena.

*Com Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Policial é baleado durante assalto em ciclovia

Um policial civil foi baleado por assaltantes em uma ciclovia, na Vila Andrade, Zona Sul de São Paulo. Atingido no tórax, o investigador do Distrito Policial do Sacomã foi socorrido e está fora de perigo.

O crime aconteceu na noite de ontem (30), na Ponte Laguna, junto à pista sentido Interlagos da Marginal do Pinheiros, a poucos metros do Parque Burle Marx. Segundo a Polícia Militar, o policial estava correndo na ciclovia da ponte quando foi abordado por dois bandidos, um deles armado. 

Os ladrões, que também trajavam roupas esportivas, anunciaram o assalto. O investigador, que estava armado, reagiu, mas acabou baleado.

Os assaltantes fugiram, aparentemente ilesos e sem levar nada. O investigador foi socorrido pelos Bombeiros e encaminhado ao Hospital Municipal do Campo Limpo, onde continua internado.

O delegado Antônio Sucupira Neto esteve no hospital e disse que a bala transfixou o tórax, mas não atingiu nenhum órgão vital. Policiais militares chegaram a fazer buscas, à procura dos bandidos, mas eles conseguiram escapar.

*Com Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Medalhas roubadas de Arthur Nory são abandonadas em lixeira

https://www.youtube.com/watch?v=WxlJ6sDd5Q0

As medalhas que haviam sido roubadas do ginasta olímpico Arthur Nory, de 27 anos, foram encontradas pela Polícia Militar na noite desta terça-feira em Osasco, na Grande São Paulo.Os policiais foram acionados via rádio pelo COPOM, que recebeu denúncia.

A equipe foi até o local indicado, na Rua Teotônio Vilela, no Jardim Santa Maria, onde encontrou, em uma lixeira, uma caixa de sapatos e, em seu interior, as 33 medalhas pertencentes ao ginasta.Os objetos foram levados na madrugada da última sexta-feira, dia cinco, por ladrões que invadiram a residência dele, na Lapa de Baixo, Zona Oeste da Capital.

Apenas uma funcionária, de 64 anos, estava no imóvel e foi rendida por dois criminosos,  que levaram, além das medalhas, uma mochila, chaves e uma CNH.Arthur Nory foi comunicado imediatamente sobre o encontro do material e seguiu para a sede da Segunda Companhia do Décimo Quarto Batalhão da PM, no Jardim D’Abril, em Osasco.Após o reconhecimento de que se tratava realmente dos objetos roubados de sua casa, Nory acompanhou os PMs até o Quinto Distrito Policial de Osasco, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Com as medalhas de volta, Arthur Nory se sentiu como que subindo de novo ao pódio.A Polícia Civil está analisando as imagens registradas pelas câmeras de segurança do imóvel para tentar identificar os criminosos.

Por Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

PM mata três suspeitos após roubo a residência

A Polícia Militar matou três suspeitos de roubo a residência no começo da madrugada de hoje (21), em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo. Segundo a PM,   três criminosos invadiram uma casa localizada na Estrada do Corta Rabicho, Jardim Maragogipe.

Os ladrões renderam os moradores e recolheram vários objetos de valor. Após a fuga dos assaltantes, a PM foi acionada pelas vítimas, e, durante as buscas,  uma equipe acabou localizando os assaltantes, que ocupavam uma caminhonete S-10.

Teve início uma perseguição, que terminaria minutos depois na Avenida Fernando Vasconcelos Rossi, no Bairro Pedreira. No local, o carro ocupado pelos ladrões foi interceptado por outras equipes da PM, e ocorreu uma troca de tiros.

Os três bandidos acabaram baleados, e dois deles morreram no local. O outro foi encaminhado ao Hospital Santa Marcelina, mas também chegou sem vida.

Um dos militares foi atingido em umas das pernas, sem gravidade, e foi levado por colegas para o mesmo hospital. O caso foi registrado na Delegacia Central de Itaquaquecetuba como “mortes decorrentes de intervenção policial”, e a atuação dos Pms vai ser investigada pelo Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa da Delegacia Seccional de Mogi das Cruzes.

*Com informações de Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

Dono de pizzaria reage e mata dois suspeitos de roubo

Um dos suspeitos chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital (Reprodução)

Um comerciante reagiu a um assalto e matou dois suspeitos na região de Pirituba, Zona Oeste de São Paulo. A ação dos bandidos ocorreu no início da madrugada de hoje (20), em uma pizzaria, na Avenida Mutinga, no Jardim Líbano.

De acordo com a Polícia Militar, os ladrões chegaram a pé, entraram na pizzaria com armas em punho, renderam funcionários e clientes e anunciaram o assalto. O comerciante, que é atirador esportivo, resolveu reagir, sacando uma pistola que carregava consigo. 

Pizzaria onde clientes e funcionários foram rendidos (Nivaldo Lima/SP Agora)

Os assaltantes se assustaram e correram, mas foram perseguidos pelo comerciante, que passou a atirar. Os dois criminosos acabaram sendo baleados. Um deles, mesmo ferido, ainda correu cerca de 300 metros, mas perdeu as forças e caiu, já sem vida.O outro, um adolescente, de 16 anos, ficou caído chão, próximo à pizzaria.

Ele ainda foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital Geral de Taipas, mas não resistiu e também morreu. O atirador esportivo, acompanhado de um advogado, foi conduzido pelos PMs ao (33º) Distrito Policial de Pirituba,  onde o caso seria registrado. De acordo com a Polícia Militar, minutos antes a dupla já tinha realizado um assalto a uma outra pizzaria na região.

As armas usadas por eles na tentativa de assalto, uma pistola e um revólver, eram, na verdade, simulacros.

Por Paulo Édson Fiore, da Jovem Pan

PMs impedem roubo e prendem suspeitos

equipes sobre motocicletas da polícia militar de São Paulo - Rocam

Policiais militares da ROCAM prenderam dois bandidos e impediram o roubo de uma moto em Santo André, no ABC, região metropolitana de São Paulo. Os criminosos foram flagrados no momento em que já se preparavam para levar o veículo.

A vítima pilotava uma moto (Suzuki) de alta cilindrada e trafegava pela Avenida Pereira Barreto, no Jardim Paraíso, quando foi abordada pelos assaltantes. Toda a ação foi gravada por uma câmera acoplada ao capacete do motociclista e por outra instalada no posto de combustíveis onde ele foi parado.

Ao ser abordado pela dupla, o jovem desceu da motocicleta, colocou as mãos na cabeça e não reagiu. Um dos criminosos, armado com um revólver, não teve nem tempo de subir na moto da vítima. Policiais militares da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam), faziam patrulhamento na região e chegaram em meio ao ataque. Um dos bandidos correu em direção ao posto, mas acabou caindo e se entregou.

O comparsa dele atravessou a avenida correndo e tentou se esconder em um estabelecimento comercial, onde também foi preso. O rapaz parecia não acreditar na sorte que teve, com os Pms surgindo no exato momento em que os ladrões levariam o veículo dele. Com um dos assaltantes, foi apreendido um revólver calibre 38.A moto usada pela dupla (uma BMW) havia sido roubada em Guarulhos, também na Grande São Paulo, e foi recuperada.Os criminosos foram encaminhados ao 1º Distrito Policial de Santo André e autuados em flagrante.

Já à noite, um casal que também estava em uma moto na região do Sacomã, Zona Sul da Capital, foi atacado por dois bandidos e não teve tanta sorte. As vítimas estavam trafegavam pela Rua Nossa Senhora da Saúde, na Vila Elísio, quando os suspeitos surgiram a pé e anunciaram o assalto. Eles tentaram fugir, e um dos ladrões atirou, atingindo o marido, que estava na garupa, no braço direito e costas.Após o disparo, os assaltantes fugiram sem levar nada, e a vítima foi levada para o pronto-socorro  do Jardim Botucatu e medicada.O Caso foi registrado no (26º) Distrito Policial do Sacomã.

Por Paulo Edson Fiore, da Jovem Pan