Polícia

GCM é morto a tiros em tentativa de assalto na Zona Sul de SP

O guarda civil metropolitano Rinaldo Aparecido Gomes de Oliveira, de 51 anos, foi baleado no rosto e no abdômen por dois homens armados com simulacro de arma de fogo, que tentaram roubar sua moto

Uma tentativa de assalto no Capão Redondo, na zona sul de São Paulo na noite deste domingo (7), terminou com a morte do subinspetor da Guarda Civil Metropolitana (GCM) Rinaldo Aparecido Gomes de Oliveira, de 51 anos, ele foi morto a tiros por dois assaltantes que tentaram roubar sua moto.

De acordo com informações da Guarda Civil, Rinaldo estava indo trabalhar com uma moto, quando foi abordado por dois homens armados com simulacro de arma de fogo na rua Manoel José Pereira. Eles anunciaram o assalto e pediram a moto.

Guarda civil reagiu ao assalto e foi baleado

Um dos criminosos percebeu que o guarda estava armado e, ao tentar pegar sua arma de fogo, houve luta corporal. Rinaldo acabou sendo baleado no abdômen e rosto. Na sequência, a dupla fugiu sem levar nada.

O agente foi encontrado ainda com vida por guardas civis e levado ao hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Siga nosso canal no Whatsapp

Criminosos estão foragidos e são procurados pela polícia

O caso foi registrado no 11º Distrito Policial. Nenhum suspeito foi preso. A Polícia Civil vai investigar o caso e tentar identificar e localizar os criminosos, que estavam usando capacetes e roupas escuras.

A Guarda Civil lamentou a morte do subinspetor Rinaldo, que era casado e tinha dois filhos. A corporação prestou solidariedade à família e aos amigos do agente, que trabalhava na região do Ibirapuera.

Mais artigos desta categoria

Botão Voltar ao topo
Fechar

Bloqueador de anúncios

Não bloqueie os anúncios