Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Morre Wagner Montes, apresentador e deputado federal

Wagner Montes (Record TV/Reprodução)

O apresentador Wagner Montes, da Record TV Rio, morreu neste sábado (26) depois de ser internado há dois dias para tratar uma infecção urinária. Wagner era também deputado federal pelo Rio, eleito em 2018.

Wagner tinha 64 anos.

Trajetória

Wagner Montes, conhecido pela irreverência e luta social que marcaram seu trabalho ao longo de 35 anos como jornalista de TV, nasceu em Duque de Caxias, no dia 18 de julho de 1954, e comandava o Cidade Alerta RJ.

Em 1974, estreou na Rádio Tupi, passando, em 1979, para a TV, onde os programas “Aqui e Agora”, na extinta TV Tupi, e “O Povo na TV”, na TVS – hoje, SBT. Em 1997, foi contratado pela CNT, passou a ter um programa próprio, o “Programa Wagner Montes”, e lançou o “Novos Talentos”, que ia ao ar todo sábado. Convidado pela Rede Record em 2003, o apresentador estreou na emissora à frente do programa “Verdade do Povo” e, com a popularidade em alta, o apresentador passou a comandar, em 2005, o “Balanço Geral”, cujos índices de audiência vêm impondo às emissoras concorrentes mudanças profundas na grade de programação. Foi no “Balanço Geral” que “Escracha”, seu bordão, surgiu.

Além de jornalista, ele também era advogado e deputado estadual. Em 2006, Wagner decidiu se candidatar a deputado e, em 2007, criou a coluna semanal “Escracha” devido ao imenso sucesso do seu bordão. Em 2010, com 528.628 votos, destacou-se como o deputado mais votado da história do Estado do Rio de Janeiro. Na eleição de 2014, foi reeleito, mais uma vez, com uma votação expressiva.

Em 2018 foi eleito deputado federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by