Brasil

Dois empresários estavam em avião que caiu em MG

Avião saiu de Campinas, interior de São Paulo, na manhã de hoje (28)

Sete pessoas morreram após um avião monomotor cair no Bairro Monjolinho, zona rural de Itapeva (MG). O acidente ocorreu na manhã deste domingo (28).

A aeronave saiu de Campinas (SP) e tinha como destino final Belo Horizonte (MG). Segundo o Corpo de Bombeiros, o incidente aconteceu por volta de 10h36, no entanto, antes de cair, o avião se desintegrou no ar.

Os passageiros são dois empresários do setor financeiro, as esposas e o filho de um deles. O piloto e copiloto também morreram.

Dois dos passageiros são Marcílio Franco e André Amaral, empresários do setor financeiro.

Siga nosso canal no Whatsapp
Marcílio Franco e André Amaral em foto publicada nas redes sociais

Eles são sócios-fundadores da CredFranco. Em uma rede social, a empresa publicou uma nota de pesar.

Marcílio era presidente da Associação Nacional de Empresas Correspondentes Bancárias (Anec). Ele era fundador e presidente da CredFranco e um dos fundadores da associação.

André era sócio de Marcílio Franco, na Credfranco, e fazia parte do Conselho da Anec desde a sua fundação.

O acidente

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a aeronave de matrícula PS-MTG foi fabricada em 1996 pela Piper Aircraft, e é registrada como uma aeronave de serviço aéreo privado. O avião não tinha permissão para realizar táxi aéreo, no entanto, estava com situação normal para aeronavegabilidade.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) foi acionado e deve conduzir as investigações. Até o momento, não há informações sobre a causa do acidente.

Mais artigos desta categoria

Botão Voltar ao topo
Fechar

Bloqueador de anúncios

Não bloqueie os anúncios