Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

PF prende suspeito de chefiar facção criminosa na fronteira

A Polícia Federal prendeu um dos principais membros de facção criminosa especializada em tráfico de drogas, com atuação em todo território nacional, em Balneário Camboriú, Santa Catarina. A prisão é decorrente de ações desencadeadas na Operação Teseu e contou com o apoio das polícias estaduais de Mato Grosso do Sul e de Santa Catarina.

As investigações para localizar e prender o traficante duraram aproximadamente 6 meses. Ele é apontado como uma liderança regional de uma organização criminosa que se dedica ao tráfico de drogas originárias da Bolívia. O entorpecente é introduzido no Brasil pela fronteira sul do Estado do Mato Grosso do Sul com o Paraguai.

O indiciado é suspeito de ter sido um dos responsáveis pelo assassinato de um policial civil do Mato Grosso do Sul, em março de 2018, e de ter participação na morte de uma advogada em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, em novembro último. O preso possuía dois mandados de prisão expedidos em seu desfavor: um por uso de documento falso e outro por tráfico de drogas.

A organização criminosa da qual ele faz parte é suspeita, ainda, de ser a responsável pelo violento ataque a uma residência em Ypehu, no Paraguai, cidade próxima ao município de Paranhos, no Mato Grosso do Sul.

Além da prisão, foram apreendidos dinheiro em espécie, telefones celulares e um veículo de luxo.

*com informações da Agência PF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Fale agora com nossa equipe!
Powered by