Polícia e Prefeitura fecham canil clandestino na Grande São Paulo

No local foram apreendidos doze cães das raças buldog e pitbull e outros com sinais de maus tratos

Uma operação conjunta entre a Polícia Civil e a prefeitura fechou um canil que funcionava clandestinamente no município de Diadema.

A ação, com autorização judicial, foi deflagrada por agentes da Delegacia de Investigação de Crimes Contra o Meio Ambiente no final desta tarde segunda-feira e contou com apoio da GCM e fiscalização das secretarias de Habitação e Desenvolvimento Urbano e de Meio Ambiente.

O canil funcionava sem licença em um imóvel da Rua Sul América, no Jardim das Nações.

No local, foram apreendidos doze cães das raças buldog e pitbull e outros com sinais de maus tratos e que vão ficar agora sob os cuidados de uma ONG.

Uma veterinária do Centro de Controle de Zoonoses constatou animais com inflamações diversas decorrentes da falta de condições sanitárias.

Segundo a fiscalização, foram lavrados autos de Infração por falta de Alvará do Corpo de Bombeiros e Habite-se. Também foi expedida uma Ordem de Fechamento Voluntário.

O responsável pelo criadouro, Marco Antônio Hummel, e outras quatro pessoas foram detidos quando tentavam fugir com alguns cães pela rua para a qual o imóvel faz fundos. Eles foram conduzidos à delegacia, onde foi lavrado o flagrante.

O delegado responsável pelo caso estabeleceu fiança de 10 mil reais a Hummel e de mil reais a cada um dos demais envolvidos.

Essa já é a segunda vez que a equipe da Delegacia e a prefeitura fazem uma operação conjunta na mesma residência.

Há cerca de um ano, aproximadamente 70 cães com sinais de maus tratos foram apreendidos no mesmo local.

*Com informações do repórter Paulo Édson Fiore, da rádio Jovem Pan.
Veja esta e outras notícias no canal do YouTube do repórter Paulo Édson Fiore, da rádio Jovem Pan.

Você usa o Telegram?

Entre em nosso canal no Telegram e receba nossas atualizações de notícias direto no seu celular. Basta clicar aqui

Compartilhe notícia

Artigos Relacionados

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.