Sem UTI: Capital registra primeira morte de paciente na fila de espera

Informação foi divulgada pelo prefeito Bruno Covas (PSDB)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Bruno Covas, prefeito de São Paulo (Gov. do Estado de SP/Reprodução)

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), afirmou nesta quinta-feira (18) que a capital paulista registrou a primeira morte de um paciente com Covid-19 devido à falta de vagas em UTI. Covas deu a declaração durante entrevista à GloboNews. Ele disse que o caso ocorreu na Zona Leste e citou o colapso do sistema de saúde.

De acordo com o prefeito, a taxa de ocupação dos leitos de UTI da capital é de 88%. Ele também afirmou que deve anunciar nesta quinta-feira (18) novas medidas de restrição com o objetivo de diminuir a sobrecarga do sistema de saúde do município. 

Segundo boletim do governo do estado de São Paulo, a capital registra 19.897 óbitos por coronavírus e 567.617 casos confirmados da doença.

O site da TV Cultura entrou em contato com a prefeitura de São Paulo para mais informações sobre as declarações dadas pelo prefeito, mas até o momento não obteve retorno.

Por TV Cultura

Compartilhe notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Veja também

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias relacionadas