Insira suas palavras-chave de pesquisa e pressione Enter.

Quando largar a carreira para abrir o próprio negócio?

Camila Félix/Opinião

Camila Félix, fundadora da The Shaky (Léo Barrilari/TheShaky/Divulgação)

É preciso coragem para sair de um emprego estável e encarar uma vida incerta de empreendedor. Estudo e bom senso fazem parte dos requisitos também. Trabalhava no fórum da minha cidade, em Lins, interior de São Paulo, quando resolvi abrir uma loja para vender milk shakes. A The Shaky. Hoje temos oito operações no Brasil e mais duas no Paraguai.

Não foi uma tarefa fácil. Passei algum tempo estudando e recebendo auxílio para abrir a primeira loja.  A ideia precisa ser fundamentada para tirar os planos do papel e colocar em prática aquilo que acreditamos.

Verifiquei um nicho que poderia ser explorado na região e depois de analisar sobre como é a vida de um empreendedor, vi que era um risco que eu sabia que existia, mas que era preciso correr.

As sorveterias da minha cidade eram muito comuns. Observei que vendiam sorvetes de uma forma muito convencional. Às vezes o cliente buscava um sabor e não tinha. Achei aí o espaço para investir. Na The Shaky, oferecemos o sistema “faça você mesmo” que possibilita a criação de mais de 100 combinações.



O ideal para quem vai montar seu primeiro negócio é começar sem sair do emprego atual. Como todo novo negócio, a vida de empreendedor vem cheia de incertezas. Enquanto ainda trabalhava no meu emprego fixo, comecei a fazer pesquisas e cursos de qualificação para entender mais sobre esse universo empresarial. Todo um processo foi feito para que então eu começasse a desenvolver meu projeto.

Inicialmente, as coisas podem não dar certo, por isso um plano de negócio flexível deve sempre estar em mente. 

Problemas irão aparecer e é preciso resolvê-los para evitar fechar as portas do negócio.

Camila Félix, fundadora da The Shaky

O sucesso não é algo que acontece de uma hora para outra e quem quer ser um empresário precisa saber dessa realidade. Um passo importante para isso é ouvir seus clientes. O feedback recebido por quem consome seus produtos ou serviços é algo crucial para a melhorar cada vez mais seu negócio.

Deixe seu comentário

avatar
  Se inscrever  
Notificação de
1
×
Fale agora com nossa equipe!